Brasília Ibaneis diz que setor automotivo é prioritário para economia local

Ibaneis diz que setor automotivo é prioritário para economia local

Governador se reuniu com representantes da área em almoço. Encontro celebrou diálogo entre Executivo e setor produtivo

  • Brasília | Do R7

Vítor Mendonça/Jornal de Brasília

O governador Ibaneis Rocha (MDB) ressaltou que o setor automotivo é prioritário para o governo em um almoço com representantes de concessionárias na tarde desta quinta-feira (23), no Lago Sul. Durante o encontro, eles discutiram as medidas adotadas pelo executivo local que beneficiaram a categoria.

"Esses eventos demosntram que nosso governo tem uma dialética muito importante, conversando é que se entende, trazendo o empresariado para dentro do governo, gerando emprego e renda para a população", afirmou o governador.

Ibaneis destacou que era necessário que as concessionárias continuassem abertas durante o período de maiores restrições da pandemia por ser relevante tanto para o setor privado como o público. "Com a venda e revisão de veículos, as ambulancias previsavam de revisão, os carros da Polícia Militar e Civil".

Também estiveram na reunião o secretário de Economia, André Clemente, e o diretor do Departamento de Transito (Detran), Zelio Maia, o diretor comercial da Record TV Brasília Alarico Naves e empresários. 

O vice-presidente do Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos do DF (Sincodiv), Alessandro Soldi, ponderou que medidas adotadas pelo govero local durante a gestão da pandemia ajudaram a conter os prejuízos para o setor, como o fato de que as concessionárias puderam ficar abertas durante a pandemia de coronavírus. "Isso fez com que nosso setor não sofresse como outros", ponderou.

"Essa parceria do setor automotivo com o GDF tem ajudado muito a desburocratizar os processos. Um exemplo importante é o emplacamento, totalmente digital, que traz benefícios para o consumidor", declarou Soldi. Ele reforçou que as concessionárias também investiram na digitalização durante a pandemia.

"Essa relação de proximidade com o governo permite melhorias e acelerar o crescimento da economia", ressaltou. Com a flexibilização de regras de restrição de circulação, e a recente liberação para realização de eventos na capital federal e redução da alíquota do ICMS sobre os combustíveis, Soldi avalia que a perspectiva para o setor é positiva nos próximos meses. "A previsão é de que a gente volte a vender o que vendia antes da pandemia. Estou muito otimista", assegurou.

O presidente da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), Alarico Assumpção, ponderou que o avanço na campanha de vacinação contra a Covid-19 contribui para a retomada economica do setor, atingido pela crise. A estimativa é de que no DF, 20% das vagas em concessionárias foram fechadas em 2020.

"A abertura que está vindo, com a vacinação em massa, vai facilitar que nossos empreendimentos voltem a uma normalidade, porém ainda temos enfrentados algumas dificuldades", destacou.

Últimas