Brasília PF faz operação contra financiadores de atentado a bomba no Aeroporto de Brasília

PF faz operação contra financiadores de atentado a bomba no Aeroporto de Brasília

Agentes cumprem seis mandados de busca e apreensão em Marabá (PA), Água Boa (MT) e no Distrito Federal nesta quarta-feira

  • Brasília | Do R7, em Brasília

Tentativa de atentado a bomba no aeroporto de Brasília

Tentativa de atentado a bomba no aeroporto de Brasília

Reprodução/ material cedido

A Polícia Federal realizou busca e apreensão na manhã desta quinta-feira (6) em uma operação contra possíveis financiadores da tentativa de atentado a bomba no aeroporto de Brasília, em dezembro do ano passado. Os agentes cumprem seis mandados em Marabá (PA), Água Boa (MT) e no Distrito Federal.

A ação se refere também aos episódios de 2 e 8 de dezembro do ano passado, quando várias pessoas invadiram a área de acesso restrito do aeroporto de Brasília e puseram em risco a segurança aérea e o serviço aeroportuário.

Os alvos da operação estão sendo investigados pelos crimes de atentado contra a segurança de transporte marítimo, fluvial ou aéreo, crime de atentado contra a segurança de serviço de utilidade pública e associação criminosa — todos previstos no Código Penal.

Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram

Calado na CPI

No fim de junho, o homem que planejou a tentativa de explosão de um caminhão-tanque nas proximidades do Aeroporto Internacional de Brasília, George Washington de Oliveira Sousa, não quis responder à maioria das perguntas feitas pelos deputados distritais em depoimento à CPI da Câmara Legislativa do Distrito Federal, que investiga os atos de 8 de janeiro.

George Washington foi condenado a nove anos e quatro meses de reclusão, em regime inicial fechado. Em depoimento à polícia, ele disse que a intenção da tentativa de explosão foi chamar atenção para o acampamento montado no Setor Militar Urbano, em Brasília, e para o movimento que contestava o resultado das eleições.

Outro depoimento

Os deputados também ouviram Alan Diego dos Santos, preso por tentar explodir um caminhão-tanque perto do aeroporto de Brasília. No depoimento, ele disse que sonhava conhecer a capital federal e veio apenas para passear.

Ele contou que chegou ao acampamento instalado em frente ao quartel do Exército no mês de novembro. "Eu vim lá de Mato Grosso de carona. Vim mais para passear, porque era meu sonho conhecer Brasília, e aproveitei a caravana", afirmou.

Tentativa de atentado nas proximidades do aeroporto de Brasília

Nas primeiras horas de 24 de dezembro de 2022, as forças de segurança de Brasília foram acionadas, por meio de uma denúncia anônima, após câmeras de segurança do aeroporto terem flagrado uma pessoa deixando uma caixa perto de um caminhão-tanque e indo embora.

A via principal de acesso ao aeroporto foi bloqueada, em uma operação conjunta do Corpo de Bombeiros do DF, das polícias Militar e Civil da capital do país e da Polícia Federal, com agentes do esquadrão antibombas. As autoridades fizeram uma explosão controlada para desativar o aparelho.

Últimas