Brasília Projeto no DF realiza oficinas de linguagem audiovisual inclusiva

Projeto no DF realiza oficinas de linguagem audiovisual inclusiva

As aulas gratuitas, destinadas a jovens e adultos de 13 a 51 anos, oferecem certificado e são totalmente on-line

Jovem realizando oficina de edição de vídeos do projeto

Jovem realizando oficina de edição de vídeos do projeto

Divulgação

O projeto Cultura in Movimento, realizado em Ceilândia (DF), oferece oficinas gratuitas de comunicação audiovisual com conteúdo inclusivo. Os workshops são destinados a jovens e adultos com idades entre 13 e 51 anos. Cada curso tem capacidade para 60 alunos e as aulas vão até 19 de novembro.

Entre os dias 25 e 29 de outubro, será ministrado o curso de “Tópicos em Libras: surdez e inclusão/transcrição e legendagem”. As aulas serão on-line, das 14h às 17h. O único pré-requisito é ter acesso à internet por meio de um celular, tablet ou computador. Para se inscrever, basta clicar aqui para acessar o site do projeto.

Também serão ministradas aulas de captação de imagem — entre os dias 1 e 12 de novembro — e de linguagem cinematográfica e língua portuguesa — de 15 a 19 de novembro. A ação é realizada pelo Instituto Cultural Menino de Ceilândia, em parceria com a Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal

A expectativa da organização é formar 900 pessoas que, ao término do curso, vão produzir um documentário. Para obter o certificado, é cobrada a presença em todas as aulas de cada curso. As oficinas começaram no mês de julho.

De acordo com a coordenação, o Cultura In Movimento pretende capacitar novos profissionais para o mercado de comunicação audiovisual, “ampliando as possibilidades de emprego e renda em um dos segmentos que mais crescem: o universo digital”.

Últimas