Brasília Saúde inicia campanha de vacinação contra gripe em creches nesta sexta-feira no DF

Saúde inicia campanha de vacinação contra gripe em creches nesta sexta-feira no DF

Segundo a pasta, crianças de seis meses a cinco anos deverão estar acompanhadas do responsável para receberem a dose 

  • Brasília | Do R7*, em Brasília

Criança sendo vacinada

Criança sendo vacinada

José Cruz/ Agência Brasil

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal vai iniciar a campanha de vacinação contra a gripe em crianças a partir desta sexta-feira (31). As equipes de saúde vão aplicar os imunizantes em 21 creches para atender as crianças de seis meses a cinco anos.

De acordo com a pasta, os pais ou responsáveis devem assinar um termo de autorização e estarem presentes no momento da vacinação. As crianças que apresentarem sintomas de gripe não serão vacinadas.

Neste sábado (1º), a aplicação das vacinas será em espaços públicos e a partir de segunda-feira (3) começará o atendimento em Unidades Básicas de Saúde (UBS). Os locais serão divulgados no site da Secretaria de Saúde.

Confira as creches com vacinação nesta sexta-feira (31):

– Pioneira: Vila Planalto
– Cruz de Malta: Asa Norte
– São Vicente de Paula: Cruzeiro Velho
– Instituto Nair Valadares (INAV): Riacho Fundo II
– CEPI Aroeira: Brazlândia
– CEPI Jandaia: Ceilândia
– CEPI Pequizeiro de Planaltina
– CEPI Flor de Lis: Sobradinho
– Escola Mundo Encantado: Itapoã
– Lar Padre Cícero: Taguatinga
– Creche Pica-Pau Branco: Samambaia
– CEPI Arara Canindé: Recanto das Emas
– Creche Tia Vilma: Gama
– Centro Educacional Doce Infância: Gama
– Centro de Convivência e Educação Infantil Nossa Senhora do Carmo: Gama
– Creche Ame Baby: Gama
– Instituto Social Pax: Gama
– Escola Ana Clara: Santa Maria
– CEPI Corujinha do Cerrado: Santa Maria
– CEPI Buriti: Santa Maria
– CEPI Angelins: Santa Maria

Campanha de vacinação

Ainda segundo a pasta, o Ministério da Saúde encaminhou mais de 180 mil doses para o Distrito Federal. No dia 10 de abril, será iniciada a campanha de vacinação para outros grupos: idosos com 60 anos e mais, gestantes, professores das escolas públicas e privadas, trabalhadores da saúde e do transporte coletivo rodoviário e outros.

*Com informações da Agência Brasília 

Últimas