Brasília Síndico agredido por personal no DF recebe alta da internação

Síndico agredido por personal no DF recebe alta da internação

Wahby Khalil afirmou que terá que continuar indo ao hospital para fazer exames e tratamentos

  • Brasília | Giovana Cardoso*, do R7, em Brasília, e Rafael Cadengue, da Record TV

O síndico foi agredido por um personal em um condomínio de Águas Claras

O síndico foi agredido por um personal em um condomínio de Águas Claras

Câmeras de segurança/Reprodução - 17.3.2022

O síndico Wahby Khalil, que foi agredido por um profissional de educação física em Águas Claras, no Distrito Federal, recebeu alta do hospital na tarde desta terça-feira (22). Em conversa com a imprensa, Khalil afirmou que vai continuar indo ao hospital para fazer novos exames e tratamentos.

"Eu continuo seguindo o tratamento com os neurologistas, até porque o sangramento não estancou totalmente", disse o síndico e jornalista. De acordo com Khalil, os médicos informaram que não há risco de sequelas.

Durante a entrevista, o síndico disse que não pretende desistir do cargo. "Não é apenas um caso isolado que vai me fazer desistir de um trabalho contínuo que eu vinha fazendo no meu condomínio", afirmou. 

Nesta segunda-feira (21), o personal trainer que agrediu Khalil apresentou-se à polícia. Ainda segundo Khalil, a ex-mulher do agressor teria ligado para o síndico pedindo para que ele não registrasse uma ocorrência. "Pediu para que eu não registrasse, para não atrapalhar a vida dele", disse.

Khalil ainda afirma que não carrega mágoas do agressor, "eu carrego dentro de mim a esperança de alguém que errou e pode fazer o bem, que pode corrigir".

*Estagiária sob supervisão de Fausto Carneiro 

Últimas