Brasília 'Você conhece picareta de olhar; não é o caso do Milton', diz Tarcísio

'Você conhece picareta de olhar; não é o caso do Milton', diz Tarcísio

Milton Ribeiro foi exonerado do MEC após escândalo que envolve atuação de pastores na liberação de verbas 

  • Brasília | Augusto Fernandes e Sarah Teófilo, do R7, em Brasília

Tarcísio e Damares se filiam ao Republicanos

Tarcísio e Damares se filiam ao Republicanos

Sarah Teófilo/R7

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, defendeu nesta segunda-feira (28) o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro, exonerado após escândalo que envolve atuação de pastores na liberação de verbas da pasta a municípios. A demissão ocorreu nesta segunda após se tornar insustentável a permanência do pastor no comando do MEC (Ministério da Educação).

"Tenho certeza que isso vai ficar esclarecido e tenho absoluta convicção da honestidade do ministro Milton. Eu o conheço bastante. Você conhece picareta de olhar. Não é o caso do Milton, pelo contrário", disse.

"É uma pessoa muito séria, muito pura. As pessoas às vezes se aproveitam dessa pureza para falar em nome e vender o que não podem sequer entregar. Não tem corrupção nenhuma, tenho certeza", disse após se filiar ao Republicanos, em evento em Brasília.

Tarcísio foi questionado se a suspeita de corrupção prejudicava o governo e negou. "Primeiro, eu não acredito em corrupção dentro da pasta. Confio absolutamente no ministro Milton. Tive oportunidade de conhecê-lo bem de perto", disse.

Ele reforçou a confiança no ex-ministro. "É um cara íntegro, honrado, puro e, talvez até por essa pureza, ele tenha sido ali enganado por pessoas que tentaram usar o nome dele e, de repente, usaram de uma maneira inadequada. Agora, isso não interferiu nos processos dentro da pasta", afirmou.

Últimas