Cidades Em Borba-AM, outro acusado de estupro foi queimado vivo em 2018

Em Borba-AM, outro acusado de estupro foi queimado vivo em 2018

Caso é parecido com o de Ronald, esquartejado sexta-feira (17) em Fonte Boa, no mesmo estado; ambos foram retirados da prisão pela população

Gabriel Lima, de 18 anos, foi queimado vivo em Borba

Gabriel Lima, de 18 anos, foi queimado vivo em Borba

Reprodução/Youtube

A reação de parte da população de Fonte Boa, no Amazonas, que sexta-feira (17) matou, esquartejou e queimou um acusado de estupro teve um precedente parecido em outro municípo do estado, em julho de 2018. 

Na ocasião, a população de Borba, assim como ocorreu em Fonte Boa, depredou e invadiu a carceragem da polícia local para retirar o preso. Gabriel Lima Cardoso, de 18 anos, foi linchado e queimado vivo em uma via pública enquanto era filmado por vários moradores.

O episódio também foi mostrado com orgulho em redes sociais por pessoas que registraram o ato de justiça com as próprias mãos. O vídeo dos dois casos foi postado no Youtube e mostrado em blogs locais.

Gabriel Lima era suspeito de estuprar e matar com 16 facadas uma adolescente de 14 anos. O linchamento, com golpes na cabeça, pedradas, pauladas e chutes, segundo as notícias da época, ocorreu após a invasão ao quartel da Polícia Militar do município.

A Polícia Civil do Amazonas foi procurada pela reportagem do R7 para dar mais informações sobre os dois casos, mas, até a publicação deste texto, não retornou os chamados.

Segundo a imprensa do Amazonas, no caso de Borba, 13 pessoas que invadiram a delegacia e mataram o acusado de estupro foram presas e transferidas para Manaus logo em seguida.

Em relação a Fonte Boa, o delegado geral adjunto da Polícia Civil afirmou que analisará as imagens do episódio de sexta-feira para prender os responsáveis pelo ataque à prisão e pela morte de Ronald Gomes Borges, de 28 anos, um dia após ele ter sido preso por estuprar e matar uma menina de 10 anos.

Leia: Prefeito lamenta morte de menina e não cita esquartejamento