Economia Bolsa de valores opera em queda nos primeiros negócios da semana

Bolsa de valores opera em queda nos primeiros negócios da semana

Ibovespa, principal indicador acionário do mercado brasileiro, caía 0,10%, a 98.191,82 pontos, logo após a abertura do pregão

  • Economia | Do R7, com Reuters

Bolsa abriu em queda

Bolsa abriu em queda

Amanda Perobelli/ Reuters - 25.07.2019

A bolsa de valores abriu em queda na manhã desta segunda-feira (21). Às 10h07, o Ibovespa, principal indicador acionário do mercado nacional, caía 0,10%, a 98.191,82 pontos, contaminado pela aversão a risco nos mercados globais, em meio a preocupações com a possibilidade de novos lockdowns por causa do aumento de casos da covid-19, entre outros fatores.

Leia mais: Mundo pós-pandemia exigirá novos profissionais; saiba quais

Notícias de que alguns bancos no exterior movimentaram grandes somas de fundos supostamente ilícitos nas últimas duas décadas também adicionavam pressão às bolsas na Europa e futuros norte-americanos.

Nos Estados Unidos, o mini futuro do S&P 500 perdia 1,8%, enquanto índice acionário londrino FTSE 100 caía mais de 3%. Os preços do petróleo também recuavam, assim como o futuro do minério de ferro caiu na China.

A semana no mercado acionário brasileiro também começa com vencimento de opções sobre ações, enquanto a cena corporativa inclui anúncio da CSN de que aprovou realização de IPO da sua unidade de mineração.

O dólar começou a semana em alta acentuada contra o real, rondando o patamar de R$ 5,45 em segunda-feira (21) marcada pela aversão a risco global diante do salto em casos de coronavírus nas principais economias, enquanto temores domésticos sobre a saúde fiscal brasileira continuavam impulsionando a busca pela segurança da moeda norte-americana.

Às 9h09, o dólar avançava 1,31%, a R$ 5,4477 na venda, enquanto o principal contrato de dólar futuro ganhava 0,95%, a R$ 5,444.

Últimas