Economia Vicky Safra supera Jorge Paulo Lemann e se torna a pessoa mais rica do Brasil, segundo a Forbes

Vicky Safra supera Jorge Paulo Lemann e se torna a pessoa mais rica do Brasil, segundo a Forbes

Família dona do banco Safra aparecia na sexta posição do ranking nacional da revista em 2022; na lista mundial, é a 100ª

Agência Estado
Vicky Safra, a nova brasileira no topo da lista dos mais ricos, segundo a Forbes

Vicky Safra, a nova brasileira no topo da lista dos mais ricos, segundo a Forbes

Renata Jubran / Agência Estado

Em um ano desafiador para a economia brasileira, o número de bilionários do país na lista da revista Forbes caiu. Em 2022, eram 62 no ranking; agora, são 51.

Houve mudanças importantes também nas primeiras posições. O empresário Jorge Paulo Lemann, da AB Inbev, que era o primeiro no ano passado, foi superado por Vicky Safra, do Banco Safra. Em 2022, a família Safra aparecia na sexta posição no ranking nacional.

Eduardo Saverin (Facebook), que era o segundo no ano passado, agora aparece em quarto lugar.

Veja quem são os 20 brasileiros mais ricos, segundo a revista Forbes (as informações da lista são: a posição no ranking geral, o nome, o setor de atuação principal e o patrimônio):

100ª - Vicky Safra e família - Bancos (Safra) - US$ 16,7 bilhões

108ª - Jorge Paulo Lemann e família - Bebidas (AB Inbev) - US$ 15,8 bilhões

165ª - Marcel Telles - Bebidas (AB Inbev) - US$ 10,6 bilhões

171ª - Eduardo Saverin - Tecnologia (Facebook) - US$ 10,2 bilhões

232ª - Carlos Alberto Sicupira e família - Bebidas (AB Inbev) - US$ 8,6 bilhões

511ª - Alexandre Behring - Investimentos (3G Capital) - US$ 5,2 bilhões

580ª - André Esteves - Bancos (BTG Pactual) - US$ 4,7 bilhões

679ª - João Moreira Salles - Bancos (Itaú Unibanco) - US$ 4,1 bilhões

679ª - Walther Moreira Salles Junior - Bancos (Itaú Unibanco) - US$ 4,1 bilhões

721ª - Jorge Moll Filho e família - Hospitais (Rede D'Or) - US$ 3,9 bilhões

721ª - Fernando Roberto Moreira Salles - Bancos (Itaú Unibanco) - US$ 3,9 bilhões

721ª - Pedro Moreira Salles - Bancos (Itaú Unibanco) - US$ 3,9 bilhões

818ª - Maurizio Billi - Medicamentos (Eurofarma) - US$ 3,5 bilhões

878ª - Walter Faria - Bebidas (Grupo Itaipava) - US$ 3,3 bilhões

905ª - Luciano Hang - Varejo (Havan) - US$ 3,2 bilhões

949ª - Miguel Krigsner - Cosméticos (O Boticário) - US$ 3,1 bilhões

1.104ª - João José Abdalla Filho - Investimentos (Banco Clássico) - US$ 2,7 bilhões

1.164ª - Joesley Batista - Alimentos (JBS) - US$ 2,6 bilhões  

1.164ª - Wesley Batista - Alimentos (JBS) - US$ 2,6 bilhões

1.217ª - Alceu Elias Feldmann e família - Fertilizantes (Fertipar) - US$ 2,5 bilhões

Últimas