Educação Senado cria grupo de trabalho para monitorar crise no Inep

Senado cria grupo de trabalho para monitorar crise no Inep

Comissão de Educação deve acompanhar a situação do instituto após a demissão em massa às vésperas das provas do Enem

  • Educação | Da Agência Senado

Senador Izalci Lucas é presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Educação

Senador Izalci Lucas é presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Educação

Geraldo Magela/Agência Senado

Por iniciativa do presidente da CE (Comissão de Educação), senador Marcelo Castro (MDB-PI), o colegiado aprovou a criação de um grupo de trabalho composto de quatro senadores para apurar fatos relacionados à crise no Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira). Izalci Lucas (PSDB-DF), presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Educação, será o coordenador do grupo.

"O Inep, responsável pela produção de evidências sobre a educação brasileira, indispensáveis no planejamento, formulação, implementação, monitoramento e avaliação de políticas públicas em todos os níveis educacionais e esferas federativas, tem passado por diversos problemas nos últimos anos. Sucessivas trocas de comando, estrutura fragilizada de gestão e perda permanente de profissionais qualificados", apontou Marcelo Castro na defesa da criação do grupo de trabalho.

Castro afirmou também que a atual crise no Inep se agravou com o pedido de exoneração de 37 servidores concursados, que atuavam em políticas públicas como o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) e o Enade (Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes).

Últimas