Eleições 2022 Justiça Eleitoral lacra urnas para encaminhar a eleitores no exterior

Justiça Eleitoral lacra urnas para encaminhar a eleitores no exterior

Mais de 900 equipamentos serão entregues ao Itamaraty e despachados para 77 países a partir desta quarta-feira (14)

  • Eleições 2022 | Hellen Leite e Jéssica Moura, do R7, em Brasília

Urnas que serão enviadas para eleições no exterior

Urnas que serão enviadas para eleições no exterior

Record TV/Reprodução

A Justiça Eleitoral lacrou nesta terça-feira (13) 989 urnas eletrônicas que serão enviadas ao exterior. Os equipamentos têm como destino 77 países, onde 697 mil brasileiros que moram fora poderão votar nas eleições de outubro. O processo é coordenado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF).

Depois da etapa, que deve ser encerrada nesta quarta (14), os equipamentos serão repassados ao Ministério das Relações Exteriores, que vai levar as urnas em mala diplomática.

Na urna internacional é possível votar apenas para o cargo de presidente da República. Durante a preparação final no TRE é feito o procedimento de inserção do nome e imagem dos candidatos que concorrem ao Planalto, além da formatação das mídias que serão usadas para registrar os votos dos eleitores. 

Leia também: Mulher de 45 a 59 anos e com ensino médio é maioria entre eleitores 

No total, brasileiros poderão votar em 106 países, no entanto, 29 receberão urnas de lona para votos em cédulas de papel, porque os países têm menos de 100 eleitores. O Nepal é o país com o menor número de brasileiros aptos ao voto, com 33 eleitores, e os Estados Unidos, com 182.986 mil eleitores, é o maior colégio eleitoral brasileiro no exterior. 

As eleições brasileiras terão início, por conta da diferença de fuso horário, às 20 horas do dia 01 de outubro na cidade de Wellington, capital da Nova Zelândia, onde cerca de 3 mil brasileiros deverão votar.

Leia também: TSE vai disponibilizar 577 mil urnas eletrônicas para as eleições 2022

Assim como ocorre no Brasil, as mulheres formam a maioria do eleitorado que vota em outros países. Nas 181 cidades em que serão realizadas as eleições, são 408.055 (58,54%) eleitoras e 289.023 (41,46%) eleitores. 

Últimas