Eleições 2022 'Vivemos a maior crise da história no governo Dilma', diz Romeu Zema

'Vivemos a maior crise da história no governo Dilma', diz Romeu Zema

Reeleito governador de Minas Gerais, Zema afirmou que em 2015 e 2016 o país enfrentou sua pior crise

Romeu Zema, governador de Minas Gerais durante entrevista coletiva

Romeu Zema, governador de Minas Gerais durante entrevista coletiva

Gledston Tavares/Dia Esportivo/Estadão Conteúdo – 2.10.2022

O governador reeleito de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), afirmou que o estado ainda se recupera de problemas econômicos ocorridos no governo da ex-presidente Dilma Rousseff. Ele fez as declarações neste sábado (22) durante evento político na praça da Pampulha.

O evento ocorre em apoio ao presidente Jair Bolsonaro e conta com a presença da primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro. O chefe do Executivo cumpre agenda em São Paulo, participando de comício em Guarulhos. Para Zema, o governo Dilma fez com que o Brasil passasse pela maior crise econômica da história.

"Depois de quatro anos, ainda estamos aqui fazendo a recuperação dos estragos que o PT causou em Minas Gerais. Vamos refrescar nossa memória e lembrar do que aconteceu em 2015 e 2016, vivemos a maior crise da história no governo Dilma, fabricado pelo PT. Temos que ir em direção ao futuro e não voltar para o passado", disse.

Zema foi o primeiro político a discursar no evento, que reúne apoiadores de Bolsonaro. "Estamos aqui para valorizar aquilo que temos de mais importante: a nossa família", completou o governador.

Últimas