Guerra Israel x Hamas

Internacional Guerra entre Israel e os terroristas do Hamas completa um mês com quase 12 mil mortos

Guerra entre Israel e os terroristas do Hamas completa um mês com quase 12 mil mortos

Ministério da Saúde de Gaza contabilizou 10.328 vítimas desde o início do conflito; 1.400 pessoas morreram no território israelense

  • Internacional | Do R7, com AFP

Resgate de uma vítima na Faixa de Gaza após bombardeio israelense

Resgate de uma vítima na Faixa de Gaza após bombardeio israelense

MAHMUD HAMS/AFP - 05.11.2023

A guerra entre o Exército de Israel e os terroristas do Hamas completou um mês, nesta terça-feira (7), com 11.728 pessoas mortas.

Segundo os últimos dados divulgados pelo Ministério da Saúde do Hamas, 10.328 pessoas morreram na Faixa de Gaza desde o início da guerra, a grande maioria civis, incluindo mais de 4.000 crianças e adolescentes.

No lado israelense, são pouco mais de 1.400 mortes, todas registradas no dia 7 de outubro, quando os terroristas do Hamas realizaram o ataque surpresa que foi o estopim da guerra.

Há também 240 pessoas que foram sequestradas e levadas a força para a Faixa de Gaza. Apenas cinco pessoas deixaram os cativeiros: quatro libertadas pelo Hamas e uma soldado que foi regastada por Israel.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu Whatsapp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

O Itamaraty confirmou a morte de três brasileiros que estavam em uma festa rave que foi invadida pelos terroristas. Uma israelense filha de mãe brasileira também morreu.

O governo brasileiro aguarda para repatriar um grupo de cerca de 30 pessoas que está na região da passagem de Rafah, na fronteira entre a Faixa de Gaza e o Egito.

Nesta terça, um grupo de 605 estrangeiros foi autorizado a entrar no território egípcio. São cidadãos de oito países: Alemanha (159), Canadá (80), França (61), Filipinas (46), Moldávia (51), Reino Unido (2), Romênia (104) e Ucrânia (102).

Israel mantém bombardeios e anuncia divisão de Gaza: as fotos mais marcantes da guerra

Últimas