Deu na gringa

Internacional Australiano e sua cachorra são resgatados após dois meses à deriva em alto-mar

Australiano e sua cachorra são resgatados após dois meses à deriva em alto-mar

Dupla partiu do México para a Polinésia Francesa, mas ficou perdida no Pacífico após embarcação ser danificada por chuva

AFP
Tim Shaddock e a cachorra Bella ficaram perdidos no mar por dois meses

Tim Shaddock e a cachorra Bella ficaram perdidos no mar por dois meses

Reproução YouTube/ 9News Austrália

Um australiano e sua cachorra foram resgatados por um barco mexicano depois de mais de dois meses perdidos no Pacífico, período em que sobreviveram à base de peixe cru e água da chuva.

O Grupomar, proprietário do atuneiro que localizou os náufragos a bordo de uma embarcação em alto-mar, informou na noite de segunda-feira (17) que Tim Shaddock, de 54 anos, foi encontrado ao lado de sua cachorra "Bella".

O australiano "estava a cerca 2 mil Km da terra", informou a empresa. Shaddock chegará nesta terça-feira com o animal de estimação ao porto mexicano de Manzanillo (oeste) a bordo do atuneiro.

Shaddock e 'Bella' haviam embarcado em um catamarã no mês de abril em La Paz, na península mexicana de 'Baja California', para fazer uma viagem de quase de 6.000 quilômetros até a Polinésia Francesa.

Mas a embarcação, batizada "Aloha Toa", sofreu danos após uma forte tempestade no Pacífico Leste os deixou à deriva.

"Passei por um teste muito difícil no mar”, declarou Shaddock em um vídeo exibido pelo canal australiano Nine News.

Nas imagens divulgadas pelo Grupomar, o australiano aparece com a barba grande e muito magro.

"Preciso apenas descansar e comer bem porque fiquei sozinho no mar por muito tempo", afirmou em outro vídeo.

A empresa mexicana informou que notificou as autoridades locais e a embaixada da Austrália.

Fósseis de dez hipopótamos anões são encontrados na Grécia

Últimas