Internacional Talibã intensifica ofensiva contra grupo de resistência

Talibã intensifica ofensiva contra grupo de resistência

Conflito no norte do Afeganistão ocorre na única das 34 província que não foi dominada pelo grupo extremista

Agência EFE
Frente Nacional de Resistência é formada por guerrilhas locais e tropas do governo afegão

Frente Nacional de Resistência é formada por guerrilhas locais e tropas do governo afegão

Ahmad SAHEL ARMAN / AFP

Os talibãs intensificaram nas últimas horas desta sexta-feira (3) a ofensiva contra a província de Panjshir, localizada no norte do Afeganistão, a única das 34 regiões do país que não conseguiram assumir o controle.

"Apenas nas localidades de Unaba e Durband, 31 soldados morreram e os talibãs avançaram em várias outras frentes, onde o inimigo sofreu baixas importantes", disse à Agência Efe um dos porta-vozes do grupo fundamentalista Bilal Karimi.

"O inimigo está cercado em Panjshir, a situação não está a favor dele", indicou o representante dos talibãs, em referência a Frente Nacional de Resistência, formada por guerrilhas locais e tropas do governo afegão, que se refugiaram na região.

Parimi explicou que reforços que vieram das províncias vizinhas de Kapisa y Parwan estão atacando os distritos de Unaba e Rokha, enquanto os combatentes da província de Laghman fazem ofensiva no distrito de Paryan. Já os que vêm da província de Baghlan atacam o distrito de Khinj.

"Conseguimos tomar dezenas de postos de controle do inimigo em Panjshir", garantiu Karimi.

À Efe, pelo menos duas fontes da Frente Nacional de Resistência indicaram que a maioria dos ataques dos talibãs foram rechaçados e que o grupo insurgente sofreu várias baixas.

"Perderam centenas de combatentes, deixaram os corpos nas montanhas e se retiraram de algumas áreas", afirmou um dos envolvidos na defesa da ofensiva.

A ofensiva contra Panjshir foi iniciada cinco dias atrás, duas semanas após os talibãs tomarem o controle do Afeganistão e de terem sido interrompidas as vias que levam à região, além da interrupção dos serviços de telefonia móvel e internet.

As forças da província são lideradas pelo ex-vice-presidente do Afeganistão Amrullah Saleh, que se autoproclamou novo chefe de governo, após a fuga de Ashraf Ghani, que liderava o país até a tomada dos talibãs.


FRN: conheça o grupo antitalibã que ainda resiste no Afeganistão

Últimas