Minas Gerais Jovens morrem intoxicados após queimarem lenha para se aquecer

Jovens morrem intoxicados após queimarem lenha para se aquecer

Adolescentes de 15 e 17 anos não resistiram aos efeitos da fumaça e morreram; outros dois rapazes foram internados em um hospital

  • Minas Gerais | Giovana Maldini*, do R7

Jovens teriam queimado madeira dentro de casa

Jovens teriam queimado madeira dentro de casa

Reprodução / Record TV Minas

Dois adolescentes morreram intoxicados por fumaça após queimarem madeira dentro de casa para se aquecerem na última sexta-feira (30) em Ouro Fino, a 459 km de Belo Horizonte. A cidade do Sul de Minas registrou, naquela data, temperatura mínima de 0ºC.

Segundo informações da Polícia Militar, três irmãos de 17, 19 e 21 anos e um amigo deles, de 15 anos de idade, estavam reunidos para fazer um culto evangélico em casa. Após o encerramento, os jovens teriam levado um tambor de ferro com lenhas que estava no quintal para dentro da casa e queimado as madeiras para se aquecerem do frio.

De acordo com os militares, os jovens adormeceram e foram intoxicados com a fumaça. Os pais dos três irmãos estavam trabalhando em uma chácara no momento do acidente e teriam dado falta dos filhos quando tentaram ligar para o celular deles.

Veja: Prefeitura registra temperatura de -10ºC no interior de Minas Gerais

Daniel Bernardes da Silva, de 15 anos, e Luiz Gustavo Teodoro da Silva, de 17, morreram após inalar a fumaça. Os outros dois jovens foram socorridos em estado grave e levados para um hospital de Pouso Alegre, a 373 km da capital. Ainda segundo os militares, a unidade de saúde não forneceu informações sobre o estado de saúde dos pacientes.

A Polícia Militar fez o boletim de ocorrência e a perícia da Polícia Civil esteve no local. A PCMG vai instaurar um inquérito para investigar o que teria acontecido.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Lucas Pavanelli

Últimas