Minas Gerais Minas tem queda de 18% na incidência de novos casos de covid

Minas tem queda de 18% na incidência de novos casos de covid

Dez das 14 regiões do Estado estão na Onda Verde do programa Minas Consciente; preocupação é a região do Triângulo do Sul

Região de Governador Valadares pode avançar para Onda Verde do programa Minas Consciente

Região de Governador Valadares pode avançar para Onda Verde do programa Minas Consciente

Reprodução/Google Street View

A incidência de novos casos de covid-19 em Minas Gerais caiu 18% nas últimas duas semanas, de acordo com o Comitê de Enfrentamento à Covid-19 do Governo de Minas. Com a melhoria nos indicadores, o colegiado autorizou as prefeituras da região Leste a avançaram para a Onda Verde do programa Minas Consciente. 

Com isso, as cidades que aderiram ao programa poderão adotar medidas de restrição mais brandas. Além da região Leste, as macrorregiões Centro, Centro-Sul, Oeste, Sul, Sudeste, Vale do Aço, Jequitinhonha, Norte e Noroeste também estão na Onda Verde. 

Segundo o comitê, além da queda na incidência de novos casos, há queda na positividade de testes de covid-19, o que indica que a circulação do coronavírus está desacelerando, e o número de pacientes solicitando internação em leitos de terapia intensiva caiu 32% em um mês.

Para o secretário de Estado de Saúde, o Fábio Baccheretti, a melhoria nos indicadores está atrelada ao avançao da vacinação em todo o Estado. 

— Com o aumento da imunização, temos percebido que tudo está melhorando. As curvas de hospitalizações e a ocupação de leitos estão caindo. O vírus está circulando menos, mas isso não significa que devemos baixar a guarda. É importante que todos procurem a imunização e tomem todas as doses. Todas as vacinas são eficazes e salvam vidas

Onda amarela e vermelha

Três regiões estão incluídas na Onda Amarela: Nordeste, Leste do Sul e Triângulo do Norte. Já o Triângulo do Sul continua na onda vermelha devido ao aumento da incidência da doença e alta na ocupação de leitos.

De acordo com o painel de monitoramento da covid-19 do Governo de Minas, essa região tem taxa de ocupação de leitos de 90,4%. Em Uberaba, 97% dos leitos estão ocupados. 

Apesar de o aumento de casos nessa região, de acordo com a SES-MG (Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais), ainda não é possível justificar essa situação pela circulação da variante Delta. De acordo com o secretário de saúde Fábio Baccheretti, não há confirmação de transmissão comunitária dessa variante dentro do Estado. 

Últimas