Minas Gerais 'Tanqueiros' encerram greve em Minas e já reabastecem postos

'Tanqueiros' encerram greve em Minas e já reabastecem postos

Categoria voltou ao trabalho após Governo de Minas sinalizar negociação sobre reajuste do ICMS sobre o óleo diesel

  • Minas Gerais | do R7

Postos de combustível continuam cheios mesmo após o anúncio

Postos de combustível continuam cheios mesmo após o anúncio

Daniela Fernandes / R7

Os motoristas de caminhões-tanque em Minas Gerais encerraram, no final da noite desta sexta-feira (26), a greve que fizeram durante o dia para reinvindicar uma redução de 15% para 12% na alíquota do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) do óleo diesel.

A decisão aconteceu após o Governo de Minas Gerais sinalizar uma negociação sobre o assunto. O presidente do Sindtanque-MG, Irani Gomes, se reuniu com os secretários de Estado de Governo e de Planejamento no final da noite.

— Colocamos os pleitos e na próxima semana será marcada uma data para que a entidade possa reunir com o Governo e eles possam dar sequência à essa pauta. Esperamos que, com essa sensibilidade, possam olhar para essa categoria, que está tão sofrida devido o aumento do óleo diesel, que incide hoje mais de 60% do valor do frete.

Veja: É falso vídeo que denuncia gasolina a R$ 8 em BH durante greve

Na manhã deste sábado (27), os entregadores de combustível já estavam nas ruas reabastecendo os postos. Alguns estabelecimentos já não tinham estoques de gasolina e álcool. Mesmo com o anúncio do fim da greve, motoristas formaram filas em postos da capital mineira no início da manhã por medo de desabastecimento.

Greve

A categoria anunciou a greve após o Governo de Minas negar, na última quinta-feira (25), o pedido de redução do imposto. Na data, os motoristas fizeram um protesto pelas ruas da capital mineira e no entorno da Cidade Administrativa, sede do Executivo Estadual.

Sobre a demanda, o Governo de Minas afirma que as recentes mudanças no preço dos combustíveis não têm relação com o ICMS, mas sim com a política de preços praticada pela Petrobras.

Na noite desta sexta-feira (27), pouco antes do anúncio do fim da greve, o Governador de Minas Gerais, Romeu Zema (NOVO), comunicou que irá formar um grupo de trabalho, em conjunto com representantes das entidades ligadas à cadeia do combustível, para buscar uma solução sobre o assunto. 

"Preocupado com a situação que levou os transportadores de combustíveis a promover uma manifestação e com a corrida da população aos postos de combustível, pedi a equipe que se reunisse com os envolvidos no movimento e reafirmasse nossa disposição para o diálogo", escreveu o governador em uma rede social.

Últimas