Minas Gerais Transmissão sobe e mortes pela covid em BH passam de 1.500

Transmissão sobe e mortes pela covid em BH passam de 1.500

Índice se manteve na fase amarela pelo 2º dia seguido; boletim indica que Belo Horizonte tem 1.505 mortes pela covid e quase 50 mil casos confirmados

Covid já matou 1.505 pessoas em Belo Horizonte

Covid já matou 1.505 pessoas em Belo Horizonte

Reprodução / Freepik

Belo Horizonte ultrapassou, nesta quarta-feira (4), a marca de 1.500 óbitos causados pela covid-19. Nas últimas 24 horas, foram 11 mortes registradas e, com isso, o total chegou a 1.505.

De acordo com o último boletim epidemiológico, Belo Horizonte teve 183 novos testes positivos. Com isso, já são 48.890 casos confirmados da doença na capital mineira, que contabiliza 45.570 curados e 1.815 pacientes em acompanhamento.

Índices de monitoramento

A taxa de transmissão da covid-19 teve uma nova alta e se manteve na “fase amarela” pelo 2º dia seguido, chegando a 1,02. No sentido contrário, a ocupação dos leitos comuns e de terapia intensiva caíram e estão, respectivamente, em 27,1% e 30,1%.

Veja: Campanha descarta internação de candidato em BH para CTI por covid

Belo Horizonte já testou 8.284 profissionais de saúde da rede pública e privada. Destes, 1.275 estavam com o coronavírus, enquanto outros 6.857 tiveram o teste negativo. A categoria mais atingida é a dos técnicos de enfermagem, com 218 casos confirmados.

Perfil

Das 1.505 vítimas do novo coronavírus em BH, 56% são do sexo masculino. A faixa etária mais afetada foi a das pessoas acima de 60 anos, com 1.243 óbitos. Mais de 97% das vítimas do vírus na capital tinham alguma doença preexistente, como cardiopatia, diabetes ou obesidade.

*Estagiário do R7 sob a supervisão de Lucas Pavanelli.

Últimas