Autos Carros Mini Cooper Piccadilly será vendido no Brasil; Modelo ainda não tem data de estreia

Mini Cooper Piccadilly será vendido no Brasil; Modelo ainda não tem data de estreia

Marca deve manter motor 2.0 turbo de 192 cv

Resumindo a Notícia

  • Novidade ainda deve contar com faróis em LED
  • Carro deve ter teto solar panorâmico
  • Rodas devem ser de 17 polegadas
  • Transmissão deve ser automatizada Steptronic de sete velocidades
Modelo terá nome da versão gravada na lataria do carro

Modelo terá nome da versão gravada na lataria do carro

Mini/Divulgação

A Mini informou que o Cooper Piccadilly será oferecido no Brasil. Contudo, a marca divulgou apenas uma foto da traseira do modelo. Na imagem só é possível ver o nome da versão gravada na lataria do carro e o farol traseiro. A novidade, que é inspirada na versão dos anos 80, ainda não tem uma data de lançamento. O motor deve ser o mesmo de outras configurações do modelo, ou seja, 2.0 litros turbo de 192 cv.

NOVO MINI COOPER ELÉTRICO chega ao Brasil: 184cv e 230km de autonomia vale R$ 239 mil? Veja o vídeo!

O carro faz homenagem à praça Piccadilly Circus, que é um ponto turístico de Londres, capital da Inglaterra. Além disso, a primeira versão deste carro foi lançada em 1986, quando era vendida com pintura ouro metálica. Já o interior tinha acabamento em três cores diferentes.

Modelo já é oferecido em países asiáticos

Modelo já é oferecido em países asiáticos

Mini/Divulgação

Já a nova configuração tem como base a opção Cooper S Top. O hatchback também deve ter um estilo único, já que terá duas faixas pintadas nas laterais. A novidade ainda deve contar com faróis em LED, teto solar panorâmico, painel digital, frenagem de emergência, suspensão adaptativa, rodas de 17 polegadas, entre outros equipamentos.

MINI Cooper de 306cv! Novos Clubman e Countryman John Cooper Works 2020. Veja o vídeo!

A motorização não deve ter mudanças em relação a versão Cooper S Top. Por isso, deve ser equipado com motor 2.0 turbo, que entrega 192 cv e conta com torque de 28,55 kgfm. A transmissão deve ser automatizada Steptronic de sete velocidades e dupla embreagem.

*Em colaboração Felipe Salomão

Últimas