Rio de Janeiro Cineasta morre esfaqueado após sair de roda de samba no Rio

Cineasta morre esfaqueado após sair de roda de samba no Rio

Cadu Barcellos, de 34 anos, foi encontrado morto na Presidente Vargas, esquina com a Uruguaiana. Polícia Civil não sabe motivação para o crime

  • Rio de Janeiro | Lucas Ferreira, do R7*

Cadu, de 34 anos, deixa um filho pequeno

Cadu, de 34 anos, deixa um filho pequeno

Reprodução/Record TV Rio

Um cineasta foi encontrado morto na madrugada de terça-feira (10) com sinais de golpes de faca, na avenida Presidente Vargas, esquina com a rua Uruguaiana, no centro do Rio de Janeiro. Cadu Barcellos, de 34 anos, estava sozinho no momento em que foi atacado.

Morte de contraventor: polícia analisa imagens de 64 câmeras

Segundo um amigo da vítima, o cineasta voltava em um carro de aplicativo com uma amiga da roda de samba da Pedra do Sal, Santo Cristo, também no centro do Rio. Cadu teria saltado do carro na Presidente Vargas, local onde foi esfaqueado.

A Polícia Militar informou que homens do 5º BPM (Praça da Harmonia) foram acionados para a avenida Presidente Vargas, mas encontraram Cadu já sem vida. A área foi isolada e agente da DH-Capital (Delegacia de Homicídios) realizaram perícia no local.

O corpo de Cadu continua no IML (Instituto Médico Legal) da Leopoldina, também no centro do Rio, e deve ser liberado ainda nesta manhã. A Polícia Civil não divulgou possível motivação para o crime.

Homem é preso em flagrante no Rio por venda de moeda falsa

O cineasta, que fazia parte da equipe do Porta dos Fundos e do programa Greg News, deixa um filho de dois anos.

*Estagiário do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas