Homem é preso em flagrante por espancar a mãe até a morte no Rio

Lucia Regina Gomes Alves, de 70 anos, foi morta a socos e chutes depois de uma discussão com o filho, que fugiu do local após o crime

Crime aconteceu três dias após Igor ser preso por tráfico de drogas

Crime aconteceu três dias após Igor ser preso por tráfico de drogas

Reprodução

Um homem de 29 anos foi preso em flagrante neste sábado (06) após espancar a própria mãe até a morte, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

De acordo com a Polícia Civil, Lucia Regina Gomes Alves, de 70 anos, foi morta a socos e chutes, depois de uma discussão com o filho em casa.

Leia também: RJ: 190 registra 266 denúncias diárias de crimes contra a mulher

A Polícia Militar, em nota, afirmou que foi chamada no domingo (7) e, no local, os agentes da DHC (Delegacia de Homicídios) foram informados pelo porteiro que foram ouvidos gritos vindos do apartamento da vítima.

O filho da vítima, fugiu do apartamento depois do crime e foi encontrado por policias em outro imóvel da família.

Em entrevista à RecordTV Rio, a delegada responsável pelo caso, Cristiane Carvalho, disse que o suspeito admitiu em depoimento que não estava arrependido. “Tranquilamente confessou o crime e friamente disse todos detalhes do homicídio”, relatou a delegada.

Ainda segundo Cristiane, ele tinha sido preso três dias antes do crime por tráfico de drogas na região da Barra da Tijuca.

O caso foi registrado como feminicídio e aguarda a investigação para saber o motivo do crime.