Polícia realiza operação contra lavagem de dinheiro do tráfico do RJ

Agentes tentam cumprir oito mandados de prisão temporária, 30 mandados de busca e apreensão e o bloqueio de aproximadamente R$ 12 mi em contas

Policiais tentam cumprir oito mandados de prisão temporária

Policiais tentam cumprir oito mandados de prisão temporária

Reprodução/Record TV Rio

A Polícia Civil realiza nesta quinta-feira (15) uma operação contra suspeitos de lavagem de dinheiro da maior organização criminosa do Rio de Janeiro. De acordo com as investigações, a quadrilha teria movimentado cerca de R$ 20 milhões em contas bancárias fraudulentas.

Três PMs são baleados em menos de 4 horas em diferentes pontos do RJ

Batizada de Link, a operação da DCOC-LD (Delegacia de Combate ao Crime Organizado e à Lavagem de Dinheiro) tenta cumprir oito mandados de prisão temporária e 30 de busca e apreensão. Os agentes fluminenses contam com apoio das polícias Civil do Mato Grosso do Sul, Paraná, e São Paulo.

As investigações apontam que a quadrilha realizava depósitos em diversas cidades do Rio de Janeiro para traficantes de outros estados. Além de lavar o dinheiro, desta forma, o grupo também pagava por remessas de armas e drogas.

Segundo a Polícia Civil, moradores de comunidades de Cabo Frio, Japeri, São Gonçalo e Volta Redonda eram utilizados no esquema para realizar tais depósitos. Os agentes buscam entender quais investigados eram obrigados a participar desta quadrilha e quais agiam por espontânea vontade.

Polícia prende suspeito de atirar em cinco banhistas em Arraial (RJ)

Em nota, a Polícia Civil informou que cerca de R$ 12 milhões em contas bancárias do grupo serão bloqueados, além da apreensão de bens de alto valor dos suspeitos de envolvimento no esquema.

*Estagiário do R7, sob supervisão de PH Rosa