Rio de Janeiro RJ altera decreto e libera atividade individual na praia no superferiado

RJ altera decreto e libera atividade individual na praia no superferiado

Segue suspensa a permanência de pessoas, inclusive realizando atividades econômicas nas areias, e esportes coletivos

O governo estadual confirmou, nesta quinta-feira (25), que um novo decreto publicado no Diário Oficial extra libera a prática de atividade física individual nas praias fluminenses durante o superferiado, entre os dias 26 de março e 4 de abril, criado diminuir a circulação de pessoas e conter o avanço da covid-19.

Atividades individuais estão permitidas nas praias do RJ

Atividades individuais estão permitidas nas praias do RJ

Pilar Olivares/Reuters

Antes, o governador em exercício do Rio, Claudio Castro, havia proibido o acesso às praias de todo o Estado. No entanto, segue suspensa a permanência de pessoas, inclusive realizando atividades econômicas nas areias, e esportes coletivos.

Mais cedo, Castro reforçou que o superferiado, válido para somente atividades não essenciais, não é um recesso tradicional e fez um apelo para que as pessoas permaneçam em casa para salvar vidas.

Ele ainda anunciou a abertura de mais 900 leitos para tratamento de pessoas com covid-19 no Estado nas próximas duas semanas, sendo que, hoje, mais de 800 pessoas aguardam uma vaga na fila de espera.

A nova publicação no D.O também inclui como atividades essenciais e, portanto, podem funcionar, o comércio de autopeças e acessórios para veículos automotores e bicicletas - entre eles serviços de mecânica e borracharia, além de supermercados e serviços de lavanderia, limpeza urbana, manutenção e zeladoria.

Últimas