RJ: duas pessoas são soterradas e uma morre na região metropolitana

Segundo os bombeiros, pai e filho trabalhavam em uma construção no momento em que imóvel foi atingido por deslizamento, em Rio Bonito

Militares trabalharam no resgate de Carlos e do filho

Militares trabalharam no resgate de Carlos e do filho

Reprodução/Record TV Rio

Duas foram soterradas e uma morreu na última terça-feira (11), em uma construção em Rio Bonito, na região metropolitana do Rio de Janeiro. A vítima fatal seria Carlos Jorge Aguiar, de 40 anos, que trabalhava na obra com o filho, que também ficou ferido.

Alerj discute projeto de lei para permitir fábricas de armas de fogo

De acordo com o Corpo de Bombeiros, Carlos e o filho trabalhavam em uma obra de expansão do imóvel, onde antes funcionava uma papelaria, no centro de Rio Bonito.

Testemunhas afirmam que o soterramento foi causado por um deslizamento de terra. De acordo com os moradores da região, a reforma teria causado impactos no morro que fica na parte de trás do imóvel, culminando no incidente.

Carlos não resistiu ao soterramento e morreu ainda no local, enquanto seu filho, que não teve a identidade revelada, foi levado a um hospital da região. Não há informações sobre o estado de saúde do jovem.

Prefeito de Duas Barras (RJ) morre vítima de covid-19

Em publicação nas redes sociais, a Prefeitura de Rio Bonito prestou solidariedade à família de Carlos e disse que está apurando o caso.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Ingrid Alfaya