Rio de Janeiro Suspeito de participar de morte de PM na avenida Brasil é identificado

Suspeito de participar de morte de PM na avenida Brasil é identificado

Sargento Cirio Damasceno Santos dirigia uma viatura que foi atacada a tiros por criminosos na altura da favela do Muquiço no dia 12 de outubro

  • Rio de Janeiro | Mariene Lino, do R7*, com Agência Estado

Sargento foi baleado na cabeça

Sargento foi baleado na cabeça

Reprodução/Record TV Rio

A Polícia Civil identificou nesta sexta-feira (6) um dos suspeitos de envolvimento na morte do policial militar Cirio Damasceno Santos, de 51 anos, na avenida Brasil, no dia 12 de outubro.

Leia também: RJ: Candidato a vereador de Nova Iguaçu é alvo de ação contra milícia

O sargento estava em uma viatura na altura da favela do Muquiço, na zona norte do Rio, quando o veículo foi atacado por tiros.

Segundo a PM, os suspeitos fugiram para o interior da comunidade. O carro utilizado na ação também foi achado no local, juntamente com munições de vários calibres.

De acordo com a Polícia Civil, as investigações mostram que os autores do crime são traficantes de drogas da comunidade.

Além do sargento Santos, Ismael Souza do Nascimento, de 81 anos, também foi atingido pelos disparos dos criminosos. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital Albert Schweitzer, em Realengo, mas morreu dias depois.

Leia também: Ação da PM contra milícia tem cinco presos e um suspeito morto no Rio

Em nota, a Polícia Civil informou ainda que os agentes realizam diligências em Marechal Hermes e Realengo, na zona norte do Rio, e em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, para cumprir o mandado de prisão expedido pela Justiça.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas