Rio de Janeiro Witzel e secretários do Rio assinam compromisso contra corrupção

Witzel e secretários do Rio assinam compromisso contra corrupção

Texto promete emprenho na prevenção e combate à corrupção em órgãos estaduais e responsabilidade redobrada nos gastos públicos

Witzel e secretários do Rio assinam compromisso contra corrupção

Wilson Witzel tomou posse em cerimônia na Alerj

Wilson Witzel tomou posse em cerimônia na Alerj

Thiago Lontra/Alerj

Em uma iniciativa inédita, o novo governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), e seu secretariado assinaram um compromisso contra a corrupção, publicado no Diário Oficial desta quinta-feira (3). O texto firma um compromisso com a prevenção e o combate à corrupção nos órgãos estaduais e a responsabilidade redobrada nos gastos públicos.

Rio: plano de metas de Witzel prioriza economia e segurança

"A declaração assinada por mim e meu secretariado é um pacto de integridade que vem para marcar a mudança de atitude ética, o resgate da transparência na administração pública do Estado", afirmou o governador. "Como falei em minha posse, não podemos errar nesse sentido. O que queremos é trazer de volta a confiança da população fluminense, através das boas práticas."

Leia também: Governador diz que caso Marielle pode ser encerrado em breve

Intitulado "Declaração de Transparência, Governança e Anticorrupção - Governo Um Novo Rio Começa Agora", o documento propõe a criação de regras que protejam denunciantes de atos de corrupção e pessoas que se oponham às práticas de suborno tanto no setor público quanto no privado. Além disso, a declaração reafirma o compromisso dos secretários de informar eventuais atos de corrupção em suas pastas.

Sobre a transparência nos gastos governamentais, a declaração determina o esforço do executivo de fornecer informações e dados em formato de fácil entendimento para o público leigo.