"Cada dia uma vitória até terminar a guerra", diz Covas sobre câncer

Prefeito de SP vai retomar agendas com a presença de público a partir da semana que vem. Ele recuperou imunidade após término da quimioterapia 

Covas vai poder participar de eventos públicos a partir da semana que vem

Covas vai poder participar de eventos públicos a partir da semana que vem

RENATO S. CERQUEIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), vai retomar as agendas externas a partir da semana que vem após mais de quatro meses de restrição médica pelo tratamento contra o câncer. Com o término das oito sessões de quimioterapia e recuperação da imunidade, ele está liberado para cumprir compromissos em meio ao público.

Leia mais: Alê Youssef deixa Cultura e vira opção de vice de Covas em SP

Nesta quarta-feira (11), pelas redes sociais, Covas escreveu: "Cada dia uma vitória até terminar a guerra. Resiliência, persistência e cabeça erguida. Força, foco e fé". Ele encerra a mensagem com a hashtag enfrentar, combater e vencer.

O prefeito vai se licenciar do cargo por dois dias a partir desta sexta-feira (13). O motivo não é saúde, mas sim uma viagem que ele fará com o filho Tomás, de 14 anos. Covas volta ao cargo no próximo domingo (15). Durante o período, o presidente da Câmara Municipal, Eduardo Tuma (PSDB), assume como prefeito em exercício.

Imunoterapia

Após o fim da quimioterapia, o prefeito deu início a uma segunda fase do tratamento contra o câncer com imunoterapia. Pelos próximos seis meses, ele vai usar medicamentos que fortalecem o sistema imunológico. As sessões duram 30 minutos. A expectativa é que, fortalecido, o próprio organismo do prefeito combata o que restou do câncer.

Em outubro, o prefeito foi diagnosticado com câncer na cárdia, que fica entre o estômago e esôfago, com metástase no fígado e linfonodos.