São Paulo Cidade de São Paulo registra primeiro óbito por dengue em 2023

Cidade de São Paulo registra primeiro óbito por dengue em 2023

O caso é de uma mulher de 47 anos, com comorbidades, residente na região da Casa Verde, na zona norte da capital

  • São Paulo | Do R7

Agência Brasil/Reprodução

A Prefeitura de São Paulo confirmou, nesta quinta-feira (27), o primeiro óbito por dengue em 2023, na capital. O caso é de uma mulher de 47 anos, com comorbidades, residente na região da Casa Verde, na zona norte da capital.

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

De acordo com a SMS (Secretaria Municipal de Saúde), os sintomas começaram em 16 de janeiro, e a paciente morreu oito dias depois, no dia 24. O caso estava sob investigação epidemiológica e teve a confirmação apenas na quinta (27). Atualmente, 11 óbitos são examinados pela pasta.

Para toda morte suspeita de dengue, a prefeitura realiza uma investigação detalhada, considerando vários aspectos e situações, como: exames laboratoriais coletados e seus resultados, avaliações e relatórios clínicos, aspectos epidemiológicos e informação do atestado de óbito.

Como parte do processo pode haver entrevista com os familiares e demais envolvidos, por meio de visita domiciliar, realizada pela Unidade de Vigilância em Saúde.

Ações de combate à dengue

Em 2023, até o momento, foram realizadas 1.762.069 ações de combate ao mosquito Aedes aegypti na capital. Segundo a gestão municipal, ao todo, foram 360.156 visitas, casa a casa, além de 15.484 vistorias a imóveis especiais e pontos estratégicos, 1.351.991 ações de bloqueios de criadouros e nebulizações.

Últimas