São Paulo Massa de ar polar enfraquece e máxima em SP deve passar de 27ºC 

Massa de ar polar enfraquece e máxima em SP deve passar de 27ºC 

Madrugadas continuam geladas, mas temperaturas aumentam ao longo do dia, com tempo seco e instável e nível crítico de umidade, abaixo de 30%

SP teve semana com recorde de temperaturas baixas

SP teve semana com recorde de temperaturas baixas

ANANDA MIGLIANO / O FOTOGRÁFICO / ESTADÃO CONTEÚDO - 26.08.2020

A massa de ar polar que chegou a São Paulo na semana passada perde força e depois de uma semana gelada, com recorde de temperaturas baixas, a máxima deve passar de 27ºC nesta sexta-feira (27), de acordo com o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências).

Leia também: Cidade de SP tem 2ª temperatura mais fria para agosto em 60 anos

O tempo continua seco e ensolarado, com grande amplitude térmica. As madrugadas vão continuar geladas, mas aumentam ao longo do dia. As mínimas previstas são de 12ºC. Os índices de umidade podem ficar abaixo de 30%. Não há previsão de chuva.

O tempo seco e estável dificulta a dispersão de poluentes e favorece a formação de queimadas, o que prejudica a qualidade do ar.

Veja também: Prefeitura acolhe 159 moradores de rua em madrugada de frio em SP

No final da semana, os índices de umidade devem atingir valores críticos, também abaixo dos 30%. O sábado (29) será de sol e temperaturas em elevação. As mínimas ficam por volta de 14°C. As máximas podem passar os 28°C. Também não há previsão de chuva.

Últimas