São Paulo Rodovias de acesso ao litoral de SP podem ser concedidas e ter pedágio

Rodovias de acesso ao litoral de SP podem ser concedidas e ter pedágio

Agência do governo estadual realiza audiências públicas para debater concessão da Mogi-Bertioga, Pedro Eroles e Padre Manoel da Nóbrega

Governo de SP quer conceder rodovias que fazem acesso ao litoral

Rodovia Mogi-Bertioga, umas das que deverão ser concedidas

Rodovia Mogi-Bertioga, umas das que deverão ser concedidas

Sergio Castro/Estadão Conteúdo

A agência do governo de São Paulo responsável pela gestão das rodovias estaduais realiza a partir desta segunda-feira (21) uma série de audiências públicas para explicar seu plano de conceder trechos de três rodovias que cruzam ou servem de acesso ao litoral paulista. Com a terceirização, as rodovias deverão ganhar pedágios.

São 230 km espalhados pelas rodovias Mogi-Bertioga (SP 098), Pedro Eroles (SP 088) - que liga a Rodovia Presidente Dutra à Rodovia dos Tamoios - e a Padre Manoel da Nóbrega (SP 055) - que serve de acesso a municípios como Praia Grande, Mongaguá, Itanhaém e Peruíbe.

A Artesp afirma que, entre as ampliações previstas, estão a realização de duplicações, implantação de marginais e acessos. A agência afirmou que o plano será detalhado durante as audiências públicas.

Leia mais: Pedágios de São Paulo ficam mais caros a partir de segunda-feira

Veja o calendário das audiências públicas:

Mogi das Cruzes – 21/10, às 10 horas
Centro Educacional Brazcubas
Av. Francisco Rodrigues Filho, 1.233

Itanhaém – 23/10, às 10 horas
Câmara Municipal de Itanhaém
R. João Mariano Ferreira, 229

Bertioga – 24/10, às 10 horas
Câmara Municipal de Bertioga
R. Rev. Augusto Paes D'Ávila, 374

São Paulo – 25/10, às 10 horas
Auditório do DER
Av. do Estado, nº 777 – 5º andar