São Paulo SP: suspeito de estuprar adolescente é agredido por multidão

SP: suspeito de estuprar adolescente é agredido por multidão

Vítima, de 13 anos, era responsável por cuidar dos filhos do suspeito, morador da residência. Cerca de 150 pessoas participaram das agressões

  • São Paulo | Letícia Dauer, da Agência Record

Após o crime, suspeito teria ordenado à jovem que não comentasse o ocorrido

Após o crime, suspeito teria ordenado à jovem que não comentasse o ocorrido

Reprodução RicMais

Um homem suspeito de estuprar uma garota de 13 anos foi preso após ser espancado por moradores de um condomínio no jardim Monte Cristo, em Suzano, na Grande de São Paulo. O fato ocorreu por volta das 17h da última sexta-feira (4).

Leia também: SP: quatro mulheres são presas por tráfico no aeroporto de Guarulhos

De acordo com a polícia, a vítima contou que foi até a casa de uma vizinha, por volta das 7h30, pois iria tomar conta dos filhos da moradora. Na parte da tarde, o homem, um operador de empilhadeira, teria estuprado a adolescente e dito a ela para que não contasse o ocorrido a ninguém.

No entanto, ainda de acordo com a polícia, ao sair do apartamento, a vítima teria relatado a uma amiga o que aconteceu. Então, a noticia repercutiu entre os moradores do condomínio, que decidiram abordar o suspeito.

No local, ao atender a uma denúncia de espancamento, PMs encontraram o rapaz já ferido e cerca de 150 pessoas tentando agredi-lo.

Os policiais militares precisaram utilizar spray de pimenta para conter o ataque. O suspeito foi encaminhado ao Pronto-Socorro da Santa Casa de Suzano com diversos ferimentos no rosto e no corpo.

Já a adolescente foi encaminhada ao Pronto Socorro Municipal de Suzano, onde realizou exames periciais. Após atendimento, o homem foi preso em flagrante por estupro de vulnerável e encaminhado à cadeia pública da cidade.

Últimas