Saúde Em momento raro, bebê segura mão de obstetra durante parto em SC

Em momento raro, bebê segura mão de obstetra durante parto em SC

Caso aconteceu no dia 8 de fevereiro, no Hospital Santa Luíza, em Balneário Camboriú. Registro teve centenas de compartilhamentos na internet

Bebê segura mão de obstetra durante o parto e emociona internet

Luana, ainda na barriga, segurou o dedo de uma das obstetras que fez seu parto

Luana, ainda na barriga, segurou o dedo de uma das obstetras que fez seu parto

Bruna Costa

A bebê Luana de Sena Galves, de 13 dias, tem pouco tempo de vida, mas já ganhou fama ao ter o registro de seu nascimento, ainda na barriga, segurando o dedo da médica obstetra, circulando pelas redes sociais.

O caso aconteceu no dia 8 de fevereiro, no Hospital Santa Luíza, em Balneário Camboriú, litoral norte de Santa Catarina. De acordo com a mãe Mariana Senna, de 31 anos, quando as médicas falaram da mãozinha da Luana, pediram para a fotógrafa registrar e abaixaram o lençol para que ela e o pai pudessem acompanhar a retirada.

Leia também: Gravidez na adolescência afeta saúde física e mental de jovens

"Você não consegue se segurar. Esse momento vem acompanhado de choro e emoção", relata Mariana.

Segundo a fotógrafa Bruna Costa, as fotografias do parto não estavam programadas. "Ela decidiu na hora e me chamou para fazer as fotos", afirma.

Bruna, que na hora do nascimento fica próxima ao pé da gestante para registrar a saída do bebê, afirmou que quando a pequena Luana segurou a mão da obstetra foi um momento emocionante.

Saiba mais: Nutrição: Mulheres grávidas precisam de calorias extras

"Eu nunca tinha visto isso. Quando o bebê nasce, geralmente ele está com a cabecinha na posição para sair, mas ela estava com a mãozinha e segurou a mão da obstetra. Foi muito rápido, tanto que essa foi a única foto que consegui tirar na hora", relatou.

Obstetra diz que não é comum bebês segurarem [a mão] quando dentro do útero

Obstetra diz que não é comum bebês segurarem [a mão] quando dentro do útero

Bruna Costa

Depois desse registro, já fora da barriga, Luana ainda segurou o dedo de uma das médicas e também a balança em que ela foi pesada.

Veja também: Grávidas devem tomar vacinas para transferir anticorpos ao bebê

A ginecologista e obstetra Andressa Gusberti, que também participou do parto foi uma das médicas que Luana segurou a mão. "O nascimento foi emocionante! Não é comum um bebê segurar a mão de um médico assim, de dentro do útero", afirmou.

Mariana afirma que não esperava tanta notoriedade. "Eu nem sabia que a Bruna tinha postado a foto. Só soube quando ela me mandou mensagem!", alega. Hoje, Luana continua a segurar algumas coisas, como o paninho para limpar a boca ou a roupa da mãe na hora de mamar. 

*Estagiária do R7 sob supervisão de Ingrid Alfaya

Reconheça os primeiros sinais da gravidez: