• Twitter Created with Sketch.

Rapaz baleado em protesto apresenta melhora e deixa UTI

Fabrício Proteus Chaves, de 22 anos, levou dois tiros, no último sábado

Do R7

Fabrício levou dois tiros, um no ombro e outro na virilha
Fabrício levou dois tiros, um no ombro e outro na virilha Reprodução/Rede Record

O estoquista Fabrício Proteus Chaves, de 22 anos, deixou a UTI da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, segundo boletim médico divulgado na tarde desta quinta-feira (30). Segundo o hospital, o rapaz “apresenta evolução satisfatória e quadro estável” e não corre risco de morrer.

Segundo a versão da polícia, o jovem tentou atacar um tenente da PM com um estilete, na rua da Consolação. O oficial e outro policial reagiram e dois tiros atingiram Chaves: um no ombro e outro na virilha.

Ainda de acordo com a Secretaria da Segurança Pública, estiletes e supostos explosivos foram encontrados nas mochilas do estoquista e de um colega dele. O material será periciado para comprovar se é algum tipo de bomba caseira. Os investigadores apuram a relação dele com o grupo Black Bloc.

Leia mais notícias de São Paulo

“Versão da polícia está estranha”, diz advogado sobre caso de manifestante baleado em SP

A família diz que ele participava da manifestação, contra a Copa do Mundo, mas que nunca teve envolvimento com o Black Bloc. Ainda segundo os parentes de Chaves, o rapaz carregava um estilete porque usa a ferramenta no trabalho.

Uma câmera de segurança gravou a confusão. No vídeo, o tenente cai no chão e o rapaz aparece indo para cima dele, mas o estilete não é visto. O caso é investigado pelo 4º Distrito Policial (Consolação) como lesão corporal e desobediência. 

“Polícia agiu corretamente”, diz secretário sobre homem baleado em protesto

  • Espalhe por aí:

Twitter

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!
Access log
Access log