Brasília A três dias da posse, Lula ainda não indicou 16 ministros

A três dias da posse, Lula ainda não indicou 16 ministros

Previsão era que o governo fosse montado até esta terça (27), mas negociação para os cargos não foi finalizada

  • Brasília | Hellen Leite, do R7, em Brasília

O presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva, ainda não fechou comandos dos ministérios

O presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva, ainda não fechou comandos dos ministérios

Marcelo Camargo/Agência Brasil - 22.12.2022

A três dias de ser empossado para o terceiro mandato como presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ainda não definiu nomes para 16 ministérios. O petista ainda faz as rodadas finais de negociação para os cargos. Havia a expectativa de que os nomes fossem anunciados nesta terça-feira (27), mas as indefinições atrasaram a conclusão da montagem do governo.

Até o momento, foram anunciados 21 ministros, dos 37 que devem ocupar a Esplanada dos Ministérios, 14 nomes a mais do que os atuais 23 do governo de Jair Bolsonaro (PL). 

Faltam ser anunciados os ministros dos Povos Indígenas; Previdência; Esporte; Cidades; Integração Nacional; Planejamento; Meio Ambiente; Transportes; Minas e Energia; Comunicações; Turismo; Desenvolvimento Agrário; Agricultura, Pecuária e Abastecimento; Pesca; Secretaria de Comunicação Social e Gabinete de Segurança Institucional.

A maior expectativa gira em torno do anúncio de Simone Tebet (MDB) como ministra do Planejamento. Isso, apesar de a senadora emedebista sofrer resistências por parte do núcleo político de Lula, como Fernando Haddad (PT), futuro ministro da Fazenda. Haddad estaria desconfortável com os "ideais" de Tebet, que não convergiriam com os da pasta do Planejamento e Orçamento.

Outro anúncio esperado é o nome da deputada federal eleita Marina Silva (Rede-SP) para o Ministério do Meio Ambiente. Ela já ocupou o cargo no governo Lula, de 2003 a 2008, mas saiu após vários embates com o PT e com o agronegócio. Em seguida, desfiliou-se do partido e só se reaproximou de Lula durante a campanha de 2022.

Na saída do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), nesta terça, Haddad disse que Lula também está em negociação com os indicados para os comandos da Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e com os membros do Conselho Nacional Monetário (CNM). O ex-prefeito de São Paulo declarou que esses anúncios também devem acontecer antes da posse de Lula, marcada para o domingo (1º).

Veja quais ministros já foram anunciados por Lula:

- Fernando Haddad (Fazenda);
- Márcio Macedo (Secretaria-Geral);
- Rui Costa (Casa Civil);
- Flávio Dino (Justiça);
- José Múcio Monteiro (Defesa);
- Mauro Vieira (Relações Exteriores);
- Alexandre Padilha (Relações Institucionais);
- Jorge Messias (Advocacia-Geral da União);
- Nísia Trindade (Saúde);
- Camilo Santana (Educação);
- Esther Dweck (Gestão);
- Márcio França (Portos e Aeroportos);
- Luciana Santos (Ciência e Tecnologia);
- Cida Gonçalves (Mulheres);
- Wellington Dias (Desenvolvimento Social);
- Margareth Menezes (Cultura);
- Luiz Marinho (Trabalho);
- Anielle Franco (Igualdade Racial);
- Silvio Almeida (Direitos Humanos);
- Geraldo Alckmin (Indústria e Comércio);
- Vinícius Carvalho (Controladoria-Geral da União).

Últimas