Brasília Onyx se afasta temporariamente para tratar de emendas como deputado

Onyx se afasta temporariamente para tratar de emendas como deputado

Exoneração de ministro do Trabalho foi publicada no Diário Oficial da União, mas ação é temporária

  • Brasília | Alan Rios, do R7, em Brasília

Ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni

Ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni

Cleia Viana/Câmara dos Deputados - 14/07/2021

Onyx Lorenzoni se afastou do cargo de ministro do Trabalho e Previdência para tratar de emendas parlamentares como deputado federal. A exoneração, publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (11) e assinada pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, é temporária.

As emendas são recursos do Orçamento público cuja destinação é indicada pelos deputados estaduais, federais e senadores. Os parlamentares costumam direcionar as verbas à cidade ou à região onde fica sua base eleitoral.

Onyx Lorenzoni foi candidato do DEM ao cargo de deputado federal no Rio Grande do Sul. Com 183.518 votos, o estado o elegeu no primeiro turno das eleições de 2018.

Ele participou da transição de governo federal, foi nomeado ministro da Casa Civil em janeiro de 2019 e ficou no cargo até fevereiro de 2020, quando acabou sendo transferido para o Ministério da Cidadania. Neste ano, Onyx ainda ocupou o cargo de ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República e, posteriormente, o de ministro do Trabalho e Previdência.

Últimas