Economia Caixa reduz piso de juros do crédito imobiliário de 7,50% para 6,75%

Caixa reduz piso de juros do crédito imobiliário de 7,50% para 6,75%

É a segunda redução anunciada pelo banco em menos de um mês. Novas taxas passam a valer a partir de 6 de novembro

 

Menor taxa passará de 7,50% para 6,75%. A maior vai de 9,50% para 8,50%

Menor taxa passará de 7,50% para 6,75%. A maior vai de 9,50% para 8,50%

Ricardo Giusti / CP memória

A Caixa Econômica Federal anunciou, nesta quarta-feira (30), mais uma redução nos juros cobrados em financiamentos imobiliários.

A menor taxa de juros cobrada pela instituição passará de 7,50% mais a TR (Taxa Referencial) para 6,75% mais TR.

Leia também: Copom realiza penúltima reunião do ano para definir Selic nesta semana

A maior taxa vai de 9,50% mais TR para 8,50% mais TR.

A Taxa Referencial foi criada em 1991 e é usada como um fator de correção monetária de empréstimos, do FGTS e de investimentos. Hoje, a TR está zerada.

Segundo o banco, as novas taxas passam a valer em 6 de novembro.

Leia também: Ibovespa recua antes das decisões de Fed e Copom; dólar sobe após dados dos EUA

O corte de juros valerá para créditos com saldo devedor atualizado pela TR no SFH (Sistema Financeiro de Habitação) e no SFI (Sistema Financeiro Imobiliário).

Essa é a segunda redução de juros anunciada pela Caixa em menos de um mês.

Leia também: Caixa começa a cobrar taxas mais baixas para crédito imobiliário

No dia 8 de outubro, o banco já havia cortado em até um ponto porcentual as taxas para financiamentos imobiliários com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo.