Eleições 2022 Soraya Thronicke é oficializada candidata à Presidência pelo União

Soraya Thronicke é oficializada candidata à Presidência pelo União

Senadora foi escolhida após desistência de Luciano Bivar no último domingo (31); Marcos Cintra vai sair como vice de Soraya

  • Eleições 2022 | Do R7, em Brasília

Soraya Thronicke entre o vice, Marcos Cintra, e o presidente do União, Luciano Bivar

Soraya Thronicke entre o vice, Marcos Cintra, e o presidente do União, Luciano Bivar

Divulgação/União Brasil

O União Brasil oficializou nesta terça-feira (2) a senadora Soraya Thronicke como candidata à Presidência da República. Ela foi escolhida depois de o presidente da sigla, o deputado federal Luciano Bivar, desistir de disputar o pleito ao Palácio do Planalto.

"Como presidente nacional do União Brasil, estou muito feliz em apresentar essa chapa Soraya-Marcos Cintra, composta por um homem excepcional e por uma mulher incrível. Soraya é uma mulher qualificadíssima, independente, defende os interesses e instituições democráticas", declarou Bivar.

O vice da chapa, Marcos Cintra, é idealizador do Imposto Único, a principal proposta de Luciano Bivar, e ex-secretário da Receita Federal. O presidente do União afirmou ainda que tem "cinco ex-ministros que estão ajudando nessa missão" da candidatura da chapa.

"O Brasil vai conhecer essa mulher que é uma brasileira que ama o país, sempre foi defensora da classe menos favorecida. No Senado, tem demonstrado isso. O União Brasil, como partido novo, está participando pela primeira vez da corrida eleitoral. Temos todas as condições de vencer, por sermos o maior partido do país. Volto a insistir que temos uma alternativa viável para o Brasil."

Bivar retirou a pré-candidatura no último domingo (31), quando anunciou que vai tentar a reeleição à Câmara dos Deputados. Dois dias depois, negou que a substituição por Soraya seja uma desistência por parte dele.

"Isso não foi desistência. Foi apenas uma formatação, de a gente apresentar nossa proposta ao público brasileiro para um novo ciclo. É uma coisa muito delicada o que vive a República brasileira, e o União Brasil não podia fugir a isso", afirmou.

Últimas