Minas Gerais Alarme de barragem dispara e assusta moradores em Minas

Alarme de barragem dispara e assusta moradores em Minas

Sirene anunciava situação real de rompimento da barragem da Kinross; moradores da região saíram às pressas das casas

  • Minas Gerais | Adriana Bernardes, da Record TV Minas; Giovana Maldini*, do R7

Moradores saíram às pressas das casas

Moradores saíram às pressas das casas

Reprodução

O alarme de uma barragem disparou acidentalmente na tarde desta quinta-feira (20) na comunidade Lagoa, em Paracatu, a 483 quilômetros de Belo Horizonte. A sirene anunciava o rompimento da barragem da mineradora Kinross e assustou moradores da região, que saíram às pressas de suas casas. 

Alguns relataram que viram uma poeira vindo da direção da barragem, o que causou mais desespero entre as pessoas. Vídeos gravados por moradores durante o acionamento do alarme foram compartilhados nas redes sociais.

A voz do aviso dizia que era uma situação real de rompimento de barragem, seguida de uma sirene. A Polícia Militar de Paracatu informou que nenhum evento foi registrado oficialmente.

A Kinross informou em nota que, na tarde de 20 de maio, as sirenes de emergência da barragem Eustáquio dispararam de forma não intencional, devido a uma falha no sistema de alarme. A companhia reforça que suas estruturas estão seguras e que não há qualquer motivo de preocupação para a sociedade. A empresa está trabalhando na apuração das causas da falha no sistema e informa que a Defesa Civil e demais autoridades públicas já foram comunicadas.

Outros casos

O acionamento "acidental" de sirenes de barragens já ocorreu em outras comunidades localizadas à beira de barragens. No município de Itatiaiuçu, na região metropolitana de Belo Horizonte, o sistema de som da barragem Serra Azul, da ArcelorMittal, disparou no dia 8 de março deste ano.

O Ministério Público pediu que a mineradora pagasse R$ 360 mil pelos danos causados pelo acionamento indevido. Uma investigação constatou que o erro foi cometido por falha humana.

Em julho de 2019, foram as sirenes de uma barragem da AngloGold Ashanti, em Santa Bárbara, que foram acionadas por acidente. 

*Estagiária do R7, sob supervisão de Lucas Pavanelli 

Últimas