Rio de Janeiro Comissão de impeachment de Witzel é instalada na Alerj nesta quinta (18)

Comissão de impeachment de Witzel é instalada na Alerj nesta quinta (18)

Grupo é formado por deputados dos 25 partidos com representação Casa. Entre eles estão dois parlamentares investigados na Lava Jato

  • Rio de Janeiro | Igor Rodrigues, do R7*

Witzel terá prazo de 10 sessões para se defender

Witzel terá prazo de 10 sessões para se defender

Antonio Cruz/Agência Brasil

A Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) instala nesta quinta-feira (18), às 13h, a comissão especial que vai analisar o pedido de impeachment do governador do Wilson Witzel.

Na reunião, o grupo vai escolher os parlamentares que vão ocupar a presidência e relatoria do processo.

A comissão é formada por deputados dos 25 partidos com representação na Casa. Entre eles estão Marcos Abrahão (Avante) e Marcus Vinicius (PTB), que reassumiram os cargos recentemente após serem presos na Operação Furna da Onça, desdobramento da Lava Jato, por corrupção.

O requerimento analisado é de autoria dos deputados Luiz Paulo e Lucinha, ambos do PSDB, e se baseia nas denúncias relacionadas a desvios de verbas na Saúde durante a pandemia do novo coronavírus. 

O presidente da Alerj, deputado André Ceciliano (PT), informou que pretende citar e entregar uma cópia do processo ao governador após a instalação da comissão. Witzel terá o prazo de dez sessões para se defender. Em seguida, o grupo terá cinco sessões para decidir pelo afastamento ou não do governador.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas