Rio de Janeiro Covid-19: Rio suspende flexibilização de medidas restritivas

Covid-19: Rio suspende flexibilização de medidas restritivas

Comitê de Enfrentamento à Covid-19 avaliou que alguns pontos não foram cumpridos; reabertura aconteceria em 2 de setembro

  • Rio de Janeiro | Rafael Nascimento, do R7*, com Aline Pacheco da Record TV Rio

O plano de flexibilização das medidas restritivas na cidade do Rio de Janeiro, que estava previsto para começar no próximo dia 2, foi suspenso. O Comitê de Enfrentamento à Covid-19 entendeu que alguns pontos não foram cumpridos em todas as etapas para que a reabertura acontecesse. O atraso na entrega das vacinas e o avanço da variante Delta no município estão entre os motivos.

Mesmo com medidas restritivas, aglomerações são vistas pela cidade

Mesmo com medidas restritivas, aglomerações são vistas pela cidade

Reprodução/ Record TV Rio

Em nota, a Prefeitura do Rio informou que desde o primeiro anúncio sobre o plano de reabertura da cidade, no início de agosto, foi frisado que essas medidas estavam condicionadas a um cenário epidemiológico favorável, com continuidade da regressão do mapa de risco da cidade para alertas moderado e baixo; e da regularidade de entrega de vacinas pelo Ministério da Saúde. Não confirmando essas condições, o planejamento poderia ser revisto.

Diante do recente aumento do número de casos da doença devido à circulação da variante Delta, retorno de todo mapa de risco para alerta moderado e da recomendação do Comitê Especial de Enfrentamento da Covid-19, o plano de reabertura foi adiado.

*Estagiário do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas