Morre terceira vítima de incêndio em Hospital no Rio de Janeiro

Ministério da Saúde não forneceu informações sobre o paciente morto. As duas primeiras vítimas eram mulheres internadas com covid-19

Hospital tinha ao ao menos 300 pacientes

Hospital tinha ao ao menos 300 pacientes

Fausto Maia/TheNews2/Estadão Conteúdo - 27.10.2020

O Ministério da Saúde confirmou, na noite desta terça-feira (27) a morte da terceira vítima do incêndio do Hospital Federal de Bonsucesso, na zona norte do Rio de Janeiro. A pasta não forneceu informações sobre o paciente morto. As duas primeiras vítimas foram mulheres de 42 e 83 anos, ambas internadas com covid-19.

“O Ministério da Saúde comunica com profundo pesar a morte do terceiro paciente após o incêndio no Hospital Federal de Bonsucesso”, afirmou o Ministério. 

Leia mais: Ministério sabia de riscos de incêndio em hospital desde 2019

”A pasta se solidariza com as famílias e não vai medir esforços para garantir a segurança e saúde dos pacientes, profissionais de saúde e funcionários da instituição”, conclui a nota.

Até as 18h30, ao menos 76 pacientes já haviam sido levados para outros hospitais. De acordo com o Corpo de Bombeiros, ao menos 300 estavam no local no momento do acidente. As informações iniciais apontam que o fogo teve início no subsolo do prédio 1, onde ficava um almoxarifado. A Polícia Federal investiga as causas do incêndio.

O secretário de Defesa Civil, Leandro Monteiro, confirmou que o Hospital Federal de Bonsucesso não tinha certificado de aprovação do Corpo de Bombeiros. Um relatório feito a pedido da Defensoria Pública da União, em 2019, já havia apontado falhas no sistema de combate às chamas da unidade.