Rio de Janeiro Rio: Polícia apreende armas brancas após morte de cineasta

Rio: Polícia apreende armas brancas após morte de cineasta

Operação realizada por agentes do Centro Presente recolheu facas, tesouras e estiletes. Nenhum suspeito foi preso na ação

Nenhum suspeito foi preso na operação

Nenhum suspeito foi preso na operação

Divulgação

Policiais do Centro Presente recolheram diversas armas brancas na região central do Rio, na manhã desta quinta-feira (12). A operação ocorreu dois dias após a morte do cineasta Cadu Barcellos.

Segundo os agentes, foram recolhidos facas, tesouras e estiletes. A ação teve o objetivo de diminuir os roubos seguidos de morte, como o que aconteceu com Cadu na terça-feira (10).

Rio: PM é condenado a 52 anos de prisão por chacina de Costa Barros

Apesar da apreensão nenhum suspeito foi preso.

Cadu Barcellos

Cadu teria sofrido golpes de faca

Cadu teria sofrido golpes de faca

Reprodução

Também nesta quinta-feira (12), o Disque-Denúncia divulgou um cartaz em que pede informações que levem ao assassino do cineasta. O homem de 34 anos foi morto com sinais de golpes de faca após um assalto na avenida Presidente Vargas.

A Polícia Civil investiga o caso e buscam imagens de câmeras de segurança para identificar os autores do crime. De acordo com os agentes, uma das linhas de investigação é latrocínio (roubo seguido de morte).

O corpo de Cadu Barcellos foi enterrado na quinta-feira (12) no Cemitério as Penitência, no Caju, zona portuária da cidade.

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas