Rio de Janeiro RJ: Polícia faz ação contra suspeitos de venda de drogas em creches

RJ: Polícia faz ação contra suspeitos de venda de drogas em creches

Segundo os agentes, uma pessoa morreu e outras 16 foram presas na Operação Lix. Grupo também é suspeito de roubo de cargas

  • Rio de Janeiro | Ana Beatriz Araújo, do R7*

A Delegacia de Combate às Drogas, com o apoio das Delegacias do Departamento Geral de Polícia Especializada e da CORE, realiza na manhã desta sexta-feira (18) a Operação Lix contra uma quadrilha suspeita de venda de drogas em creches de comunidades de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Grupo também é suspeito de roubo de carga

Grupo também é suspeito de roubo de carga

Divulgação

Segundo a polícia, um suspeito morreu e outros 16 foram presos até às 9h30. Além do comércio ilícito de entorpecentes, o grupo também é suspeito de roubo de cargas e outros roubos. Eles receberiam um percentual sobre o produto do crime que era levado para as comunidades do Lixão e Vila Ideal.

Polícia faz operação contra PMs denunciados por corrupção

O líder do grupo criminoso é conhecido como Coroa que está preso em Bangu 1. Ele seria o responsável por nomear os gerentes gerais após a morte do filho Charlinho durante confronto em março de 2019.

Os indiciados vão responder por organização criminosa, tráfico de drogas, roubo majorado e porte ilegal de armas. Somadas, as penas ultrapassam 30 anos de prisão.

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas