São Paulo Motorista de app diz que transportou Paulo Cupertino 

Motorista de app diz que transportou Paulo Cupertino 

Polícia investiga imagens gravadas pelo circuito interno do veículo, que mostram homem de barba longa e voz reconhecida por parentes do assassino

  • São Paulo | Do R7, com informações da Record TV

Cupertino é flagrado em carro de aplicativo

Cupertino é flagrado em carro de aplicativo

Reprodução/Record TV

Um motorista de aplicativo afirma ter transportado um passageiro que identificou como Paulo Cupertino, o homem foragido há mais de um ano após matar a família do ator Rafael Miguel. 

Cupertino se escondeu em uma propriedade rural em Eldorado, no Mato Grosso do Sul, e, ao ser descoberto, voou para uma fazenda no interior do Paraguai. Ali, foi reconhecido por agricultores brasileiros e um policial paraguaio e, portanto, voltou a fugir. 

Veja também: Polícia descobre esconderijo de Paulo Cupertino fora do Brasil

Imagens gravadas às 20h20 de 25 de novembro pelo circuito interno de uma rodoviária de Corumbá, no Mato Grosso do Sul, mostram um homem que seria Paulo Cupertino, logo após ter deixado o Paraguai, carregando duas malas.

Em seguida, ele teria deixado o local para entrar no carro chamado por aplicativo. De acordo com o motorista, o passageiro queria chegar logo à fronteira com a Bolívia, onde pegaria um táxi com placa boliviana para entrar no país sem passar pela fiscalização. No vídeo gravado pelo motorista, é possível ouvir um diálogo entre os dois, às 20h35. 

A fisionomia muito parecida com Cupertino chamou a atenção da polícia.

Leia também: Na caçada por Cupertino, assassino é descrito como ‘calmo’ e ‘gentil’

O passageiro demonstra receio com a fiscalização na fronteira. "Eu fico com medo deles verem minha mala, entendeu". Durante o trajeto, o homem revela onde vai se hospedar na Bolívia. "Tem ônibus agora, não tem? Para chegar em Santa Cruz de La Sierra. Qualquer coisa eu durmo na fazenda de uma amiga aí." Santa Cruz de La Sierra fica a 657 km da fronteira com o Brasil, um trajeto que dura 9h40 de ônibus. 

A reportagem da Record TV enviou as imagens a um parente de Cupertino. Ele afirmou que a voz é muito parecida com a do foragido. 

Veja também: Exclusivo: veja onde Paulo Cupertino morava e trablahava antes de fugir para o Paraguai

As imagens estão sendo investigadas pelas polícias Civil e Federal de Corumbá. O registro ocorreu uma semana depois que Cupertino fugiu do Paraguai. Ele fugiu acompanhado do piloto Alfonso Helfenstein, condenado por tráfico de drogas, que teria conexões com a Bolívia. Autoridades bolivianas já foram notificadas pela polícia brasileira, que tenta agora descobrir o paradeiro do homem para saber se ele é mesmo Paulo Cupertino. 

Últimas