São Paulo Vazamento químico deixa faixas bloqueadas na Ayrton Senna

Vazamento químico deixa faixas bloqueadas na Ayrton Senna

Motorista parou no acostamento após constatar vazamento de cloreto férrico. Três pistas foram bloqueadas e houve congestionamento

  • São Paulo | Enrico Bertagnoli, da Agência Record

Carga de solução química vaza na rodovia Ayrton Senna (SP)

Carga de solução química vaza na rodovia Ayrton Senna (SP)

Divulgação Cetesb

Uma carga de cloreto férrico vazou de um caminhão no quilômetro 33 da Rodovia Ayrton Senna, no sentido interior, em Itaquaquecetuba, Região Metropolitana de São Paulo, às 9h29 deste domingo (13). Ninguém ficou ferido.

Leia também: PMs e guardas são presos após matar motorista em São Bernardo

Segundo o Corpo de Bombeiros, o transbordo da solução foi realizado com segurança. Cinco viaturas foram encaminhadas para o local. A Ecovias, concessionária responsável pelo trecho, informou que o motorista do caminhão parou no acostamento após constatar o vazamento.

Duas das três faixas foram bloqueadas por volta das 10h30. Em decorrência do vazamento, houve congestionamento do km 29 ao 33, por volta das 13h30. Às 14h16, todas as faixas foram liberadas e o trânsito voltou a fluir normalmente.

Veja ainda: Segurança é morto após assalto no shopping Metrô Boulevard Tatuapé

A Cetesb informou que o vazamento foi causado por uma fissura no tanque do veículo. De acordo com a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo, que foi acionada para o local, o Cloreto Férrico não é inflamável.

Após o transbordo do produto, técnicos da CETESB orientaram a remoção do líquido vazado e a limpeza do canteiro com remoção do solo.

Últimas