Brasília 5G: leilão continua nesta sexta com lotes de conectividade das escolas

5G: leilão continua nesta sexta com lotes de conectividade das escolas

Leilão do 5G durou quase dez horas na primeira sessão, de quinta-feira, e continua hoje, a partir do lote G

  • Brasília | Alan Rios, do R7, em Brasília

Primeira sessão gerou quase R$ 7 bi em outorgas

Primeira sessão gerou quase R$ 7 bi em outorgas

Josep Lago/AFP

O leilão da rede 5G continua nesta sexta-feira (5). A licitação, que é a maior da história das telecomunicações no país, começou ontem, com a participação do presidente da República, Jair Bolsonaro, de ministros e autoridades. A primeira sessão durou quase dez horas e gerou um rendimento de R$ 6,8 bilhões em outorgas.

Hoje, a partir das 9 horas, o leilão continua com a venda da licitação do lote G. Dez lotes são considerados os principais do leilão, nomeados de A a J. O bloco G é referente aos compromissos de conectividade das escolas públicas de educação básica.

As empresas que vencerem o certame desse lote deverão oferecer internet com qualidade e velocidade necessárias para o uso pedagógico das TICs (tecnologias da informação e comunicação) nas atividades educacionais regulamentadas pela Política de Inovação e Educação Conectada.

Ao todo, o edital deve gerar R$ 49,7 bilhões, sendo que R$ 39,1 bilhões são referentes aos investimentos das empresas no cumprimento das obrigações previstas. O governo federal ainda estimava fechar o leilão com R$ 10,6 bilhões de outorga, ou seja, de pagamento ao governo pelo direito de atuar no segmento, e com uma soma de investimentos de R$ 169 bilhões nos próximos 20 anos.

O leilão tem participação de 15 empresas. Entre os principais destaques do primeiro dia está o arremate das empresas Claro, Vivo (Telefônica Brasil) e TIM aos lotes nacionais da faixa de 3,5 GHz, a chamada “faixa de ouro do 5G”.

Outro destaque do leilão foi a venda do lote C4, da faixa de 3,5 GHz, válido no Nordeste. A empresa cearense Brisanet pagou R$ 1,5 bi pelo bloco, que tinha um lance inicial de R$ 9 milhões. Com isso, o ágio, que é a diferença entre o mínimo fixado e o lance vencedor, foi de 13.741,71%, o maior do dia.

A tecnologia 5G permite tráfego de dados até 100 vezes mais rápido que o padrão de quarta geração (4G), utilizando um espectro de rádio mais abrangente, o que permite que mais aparelhos móveis se conectem simultaneamente, com mais estabilidade do que nas redes atuais.

Últimas