Brasília PSDB: Doria e Virgílio aprovam novo aplicativo de votação

PSDB: Doria e Virgílio aprovam novo aplicativo de votação

Partido decidiu trocar de ferramenta após falha técnica em aplicativo usado para a votação no último domingo (21)

  • Brasília | Augusto Fernandes, do R7, em Brasília

Governador de SP, João Doria, e ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio, em coletiva

Governador de SP, João Doria, e ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio, em coletiva

Augusto Fernandes/R7 Brasília

Pré-candidatos do PSDB à Presidência da República, o governador de São Paulo, João Doria, e o ex-senador e ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio Neto concordaram com a decisão tomada pelo presidente da legenda, Bruno Araújo, de escolher uma nova empresa para fornecer um aplicativo de celular a fim de que o partido conclua a votação das prévias presidenciais.

Segundo Doria, a nova ferramenta permitirá que as eleições sejam finalizadas até o próximo domingo (28). “A nossa posição é favorável à nova tecnologia adotada pelo PSDB para que as prévias sejam realizadas de forma segura, soberana e ampla, para complementar a votação iniciada no último domingo. Por razões tecnológicas, ela não foi concluída. Mas até o próximo domingo ela será completamente concluída”, disse Doria, em entrevista coletiva na tarde desta terça-feira (23).

Mais cedo, o PSDB anunciara nas redes sociais que havia sido "vítima de um problema técnico nas prévias para escolher seu candidato à Presidência da República” e que buscava um meio para retomar o processo. Segundo o partido, “já há empresa que será submetida ao teste de estresse [que avalia a vulnerabilidade do partido a invasões] por todas as candidaturas”. Além de Doria e Arthur Virgílio, é pré-candidato o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite.

As votações das prévias deveriam ter sido finalizadas no domingo (21). No entanto, o aplicativo desenvolvido pela Faurgs (Fundação de Apoio à Universidade Federal do Rio Grande do Sul) apresentou falhas, e a maioria dos 44,7 mil filiados que haviam se habilitado para participar da eleição não conseguiu registrar o voto. Em razão disso, o partido decidiu trocar de empresa.

Segundo Arthur Virgílio, a nova empresa “entra para dar segurança de podermos fazer as prévias, conseguir muita fluência na votação e chegar a um resultado que seja expressivo. As pessoas são especializadas. Já fizeram mais de 30 transmissões, não têm contencioso jurídico, nunca tiveram problema na contagem, apuração e conferência dos votos. Eles estão carimbados”, destacou.

Prefeito de Jundiaí (SP) e coordenador tecnológico das prévias do PSDB, Luis Fernando Machado disse que, após os testes para averiguar a segurança do novo aplicativo, a votação das prévias pode ser retomada já nesta quarta-feira (24).

“Nós nos sentimos, neste momento, respaldados. A ferramenta tem nível de maturidade e de consolidação já testado. A partir da abertura do processo, e quando o fluxo de votantes for aceitável, acredito que o presidente [Bruno Araújo] vai determinar o início do processo de votação nas próximas horas.”

Últimas