Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Acidente rodoviário no Peru mata 4 turistas após visita a Machu Picchu

Micro-ônibus com pessoas de diversas nacionalidades caiu em penhasco e deixou outros 16 feridos, que foram levados ao hospital

Internacional|Do R7

Micro-ônibus caiu em um penhasco em rodovia peruana
Micro-ônibus caiu em um penhasco em rodovia peruana Micro-ônibus caiu em um penhasco em rodovia peruana

Após visitarem a cidadela inca de Machu Picchu, quatro turistas morreram e outros 16 ficaram feridos na queda do micro-ônibus em que estavam em um penhasco em uma rodovia peruana, informaram as autoridades do país andino nesta segunda-feira (22).

Entre os feridos há quatro franceses, dois gregos, dois israelenses, dois canadenses, dois argentinos, dois peruanos, um holandês e um espanhol, segundo um balanço oficial divulgado em Cusco, onde fica a famosa cidadela de pedra.

"Temos quatro turistas mortos [...] após a queda de uma caminhonete [micro-ônibus] em um abismo com pouco mais de 100 metros", disse o ministro de Comércio Exterior e Turismo, Roberto Sánchez, durante coletiva de imprensa em Cusco junto com funcionários regionais.

O Ministério informou em nota que os mortos são "três de nacionalidade colombiana e um de nacionalidade peruana". 

Publicidade

Os 16 feridos foram levados para dois hospitais de Cusco, entre eles o motorista peruano do micro-ônibus, informaram as autoridades.

O acidente rodoviário ocorreu na noite do último domingo (21) na região de Abra Málaga, a 105 km da cidade de Cusco, antiga capital do império inca.

Publicidade

"Havia neblina no local do acidente. Nós lamentamos este evento tão trágico", informou Sánchez.

Leia também

O veículo caiu em um abismo depois que os turistas visitaram Machu Picchu no domingo, acrescentou.

Publicidade

Um avião da Força Aérea do Peru pousou no aeroporto de Cusco por volta das 13h (15h de Brasília) para levar alguns feridos para Lima, segundo veículos locais.

"Expressamos nossas condolências aos familiares e aos governos dos turistas estrangeiros, lamentavelmente falecidos", expressou a chancelaria peruana no Twitter.

Os acidentes rodoviários são frequentes no Peru, devido ao excesso de velocidade, ao mau estado das rodovias, à falta de sinalização e ao escasso controle das autoridades.

Em 31 de julho, a queda de uma caminhonete em um abismo de 200 metros deixou 16 mortos, entre eles crianças, em uma remota via rural da região central de Junín.

Cerca de 5.000 turistas peruanos e estrangeiros visitam diariamente Machu Picchu, construída no século 15 pelo imperador inca Pachacútec e considerada a joia do turismo peruano.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.