Internacional Queda de raio mata 10 adolescentes que jogavam futebol em Uganda

Queda de raio mata 10 adolescentes que jogavam futebol em Uganda

Os meninos, com idades entre 13 e 15 anos, buscaram abrigo em uma cabana quando a tempestade começou, mas um raio atingiu a estrutura

Tempestades de raios
 são comuns em Uganda

Tempestades de raios são comuns em Uganda

Pixabay

Dez adolescentes com idades entre 13 e 15 anos morreram na noite de quinta-feira (28) em Uganda após uma partida de futebol, vítimas do impacto de um raio nos arredores da cidade de Arua, no noroeste do país, segundo informações divulgadas hoje pelas autoridades local e a Cruz Vermelha.

Leia também: Quedas de raios deixam ao menos 107 mortos no norte da Índia

Eles estavam jogando quando a tempestade começou repentinamente. Os meninos então se abrigaram debaixo de uma cabana ao lado do campo e a estrutura foi atingida pela descarga elétrica

Nove deles morreram na hora, enquanto o outro faleceu pouco depois de ser levado para um hospital da região, de acordo com a porta-voz da polícia local, Josephine Angucia.

As autoridades locais indicaram que três menores que também estavam no local conseguiram sobreviver e estão internados em um hospital da região, mas que o estado de saúde deles é desconhecido.

A polícia de Arua disse à Agência Efe que estão investigando "este trágico acidente" e, por isso, ainda não podiam fornecer mais informações para a imprensa.

Acidentes comuns

Esses tipos de acidentes fatais são comuns em Uganda, onde tempestades são frequentes e muitas vezes imprevisíveis.

Em junho de 2011, um raio matou 18 crianças em uma escola primária no noroeste do país, perto da reserva Karuma.

Últimas